Nova pesquisa revela menos reações adversas na terapêutica de curta duração com Aspirina®

26.09.2012

Uma nova meta-análise, publicada na revista Drugs in R&D , «reconfirma o perfil de segurança da Aspirina® no tratamento de curta duração da dor ligeira a moderada e da febre associada a gripes e constipações, quando usada de acordo com as recomendações», diz um press release da Bayer Portugal, do passado dia 3.
A análise de 67 ensaios clínicos da Aspirina® no alívio da dor/diminuição da febre -- a maior até à data -- englobou mais de 20 anos de pesquisas e envolveu, maioritariamente, tratamentos de dose única para o alívio da dor aguda. Os dados reportados pelos doentes revelaram muito poucas reacções gastrointestinais (GI) adversas graves ou outras complicações associadas ao medicamento, quando usado em populações não idosas aparentemente saudáveis sem risco conhecido de complicações GI.
Segundo o press release, «os resultados mostraram uma única reacção GI adversa adicional por cada 111 doentes tratados com Aspirina® comparativamente ao placebo (9,9% vs 9,0%, p<0,01)», tendo sido as conclusões «consistentes com análises anteriormente publicadas».
A Bayer Portugal salienta ainda que «não foram observadas diferenças significativas entre a Aspirina® comparativamente ao ibuprofeno ou ao acetaminofeno/paracetamol no que diz respeito a reacções GI adversas».

1236ANT2F12TM36I

E AINDA

por Teresa Mendes | 15.11.2019

 Apifarma celebra 80 anos com a presença da ministra da Saúde

As associações Alzheimer Portugal, de Apoio aos Traumatizados Crânio-Encefálicos e Suas Famílias, de...

15.11.2019

Existem enormes disparidades na disponibilização dos fármacos inovadores

Há hospitais portugueses que chegam a demorar até quatro meses a disponibilizar medicamentos inovado...

por Teresa Mendes | 15.11.2019

 Lítio pode reverter os danos da radiação após o tratamento de tumores cere...

É sabido que as crianças que receberam radioterapia para um tumor cerebral podem vir a desenvolver p...

por Teresa Mendes | 15.11.2019

«Esperança» é a protagonista da nova campanha da Pulmonale

O cancro do pulmão é um dos tumores malignos que mais mata. Contudo, é também um dos que mais tem be...

por Teresa Mendes | 14.11.2019

«A maior urgência do país não pode fechar», diz bastonário

Após uma visita esta quarta-feira ao hospital de Santa Maria, o bastonário da Ordem dos Médicos (OM)...

por Teresa Mendes | 14.11.2019

Infarmed alarga leque de fármacos com limitações à exportação

O Infarmed atualizou esta quarta-feira a lista de medicamentos abrangidos pela notificação prévia de...

por Teresa Mendes | 14.11.2019

 Portugal tem mais de 600 novos casos de diabetes por cada 100 mil habitant...

 Nos últimos três anos (2016 a 2018) continuou a verificar-se «um número muito elevado de novos caso...

por Teresa Mendes | 14.11.2019

 DGS cria Task-Force para as Infeções Sexualmente Transmissíveis (IST)

A Direção-Geral da Saúde (DGS) constituiu uma Task-Force para as Infeções Sexualmente Transmissíveis...

por Teresa Mendes | 13.11.2019

Centro Hospitalar de Leiria dispõe de um novo Serviço de Reumatologia

O Centro Hospitalar de Leiria (CHL) dispõe de um novo Serviço de Reumatologia, que visa a prestação...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.