Avança projeto piloto para prever o risco e impacte das temperaturas extremas baixas na mortalidade

por Teresa Mendes | 16.10.2015

Teste será desenvolvido em Lisboa e Porto
 
O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa) e o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), em conjunto com outras entidades, vão desenvolver um teste piloto, nos distritos de Lisboa e Porto, «que permita prever, diariamente, o risco e impacte potencial de temperaturas extremas baixas na mortalidade da população, durante o inverno de 2015/16». 

De acordo com a informação  divulgada pelo Insa, este teste piloto surge na sequência do projeto FRIESA (FRIo Extremo na SAúde), realizado em parceria pelo IPMA e o Insa, através do seu Departamento de Epidemiologia, e que teve como «objetivo principal desenvolver modelos estatísticos para a previsão da mortalidade associada a temperaturas extremas baixas durante o outono e inverno».

Uma vez implementado este projeto vai permitir aos decisores na área da saúde, em especial em Saúde Pública, «informação atempada que apoie a preparação e adequação dos níveis e tipos de intervenção em situações de perigosidade associadas ao frio extremo com efeitos na saúde» 

Uma vez implementado este projeto vai permitir aos decisores na área da saúde, em especial em Saúde Pública, «informação atempada que apoie a preparação e adequação dos níveis e tipos de intervenção em situações de perigosidade associadas ao frio extremo com efeitos na saúde».

15tm42t
 16 de Outubro de 2015
1542Pub6f15TM42T

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Economista Márcia Roque é a nova presidente da ACSS

O Conselho de Ministros (CM) desta quinta-feira nomeou a economista Márcia Roque para presidente do...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

 Portugal tem o maior rácio de médicos de MGF por habitante da UE

Portugal é o país da União Europeia (UE) com a maior taxa de especialistas de Medicina Geral e Famil...

18.01.2019

CHUC lança projeto «H2 – Humanizar o Hospital»

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) lança, no próximo dia 24, o projeto «H2 - Huma...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Daniel Ferro substitui Carlos Martins à frente do CHULN

Daniel Ferro, atual presidente do conselho de administração do Hospital Garcia de Orta, vai substitu...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Centro Hospitalar do Oeste está «refém de prestadores de serviço»

O Centro Hospitalar do Oeste (CHO) é a terceira unidade de saúde do país com maior volume de horas c...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Cancro digestivo mata uma pessoa a cada hora em Portugal

O cancro digestivo mata uma pessoa por hora em Portugal, uma doença que tem vindo a aumentar nos últ...

por Teresa Mendes | 16.01.2019

Governo quer melhorar os Serviços de Urgência

O Governo criou um grupo de trabalho para estudar os diferentes modelos organizativos no funcionamen...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.