Alberto Barros da Silva vai liderar processo de regulamentação da nova Lei da PMA

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 30.06.2016

Comissão terá até 15 de setembro para apresentar projeto
Alberto Barros da Silva, diretor do Serviço e Laboratório de Genética da Faculdade de Medicina do Porto, é o nome escolhido pelo Ministério da Saúde para liderar a comissão responsável por regulamentar a Lei que alargou o âmbito dos beneficiários das técnicas de procriação medicamente assistida (PMA), garantindo o acesso de todas as mulheres à PMA.

Segundo um despacho publicado hoje no Diário da República, a Comissão será ainda composta por Ana Catarina Veiga Correia, Carlos Calhaz Jorge, Pedro Macedo de Sá e Melo e Helena Maria Vieira de Sá Figueiredo.

Alberto Barros da Silva, diretor do Serviço e Laboratório de Genética da Faculdade de Medicina do Porto, é o nome escolhido pelo Ministério da Saúde para liderar a comissão responsável por regulamentar a Lei que veio alargar o âmbito dos beneficiários das técnicas de procriação medicamente assistida (PMA) 

Este grupo de trabalho terá de proceder à elaboração de um anteprojeto de decreto-lei que «incorpore as mais recentes experiências internacionais e estudos elaborados nesta matéria», tendo até 15 de setembro para o fazer.


16tm26o
30 de Junho de 2016
1626Pub5f16tm26O

Publicada originalmente em www.univadis.pt 

E AINDA

por Teresa Mendes | 14.06.2019

Rui Ivo volta a ser presidente do Infarmed

Rui Ivo é nomeado, pela segunda vez, presidente da direção do Infarmed.<br /> A nomeação do Conselh...

por Teresa Mendes | 14.06.2019

 Médicos estão cada vez mais receosos quando têm que denunciar insuficiênci...

Os profissionais de saúde têm «cada vez mais receio» de denunciar situações de insuficiências ou mau...

por Teresa Mendes | 14.06.2019

 IPO Lisboa apela à dádiva de sangue

No âmbito do Dia Mundial do Dador de Sangue, que se celebra esta sexta-feira, dia 14 de junho, o Ser...

14.06.2019

Taxas moderadoras nos centros de saúde com fim à vista

A proposta do Bloco de Esquerda que dita o fim das taxas moderadoras nos centros de saúde vai ser vo...

por Teresa Mendes | 12.06.2019

Médicos com alojamento assegurado para reforço de cuidados de saúde no verã...

 A Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve vai assegurar residência aos médicos que queiram...

por Teresa Mendes | 12.06.2019

Argumentos que pretendem proibir PPP na saúde «não são razoáveis»

Numa altura em que foi adiada a votação do artigo sobre as PPP da Lei de Bases da Saúde para o próxi...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.