Relançamento da Reforma dos CSP é «inadiável»

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 16.09.2016

Orçamento do Estado para 2017
A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) adverte que é «inadiável o relançamento da Reforma dos Cuidados de Saúde Primários (CSP)» e que são necessárias «medidas concretas e urgentes, a contemplar desde já no Orçamento de Estado (OE) para 2017». 
Num comunicado, o sindicato considera que a Reforma dos CSP «foi travada após os primeiros 2 a 3 anos» e que «durante a maior parte dos 10 anos faltou uma política, estratégia e orientação nacionais», bem como «o devido investimento financeiro, em recursos humanos e no sistema de informação».

Elencando várias medidas que considera essenciais para o «verdadeiro relançamento» da Reforma dos CSP, a Fnam «exige a imediata abertura de negociação» do despacho que define para cada ano o número de USF a abrir, da portaria que define o novo paradigma da contratualização, da reforma da Saúde Pública, bem como da percentagem do OE para a saúde a afetar aos CSP, «que deve ser superior à do ano anterior». 

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) adverte que é «inadiável o relançamento da Reforma dos Cuidados de Saúde Primários (CSP)» e que são necessárias «medidas concretas e urgentes, a contemplar desde já no Orçamento de Estado (OE) para 2017» 

«Esta será a forma de garantir que o OE para 2017 contemplará as verbas necessárias quer para recursos humanos, incentivos financeiros e institucionais, quer para infraestruturas e equipamentos, quer para o sistema de informação, ou seja, para o efetivo relançamento da Reforma dos CSP», sustenta a comissão executiva do sindicato na informação divulgada à Imprensa.

16tm37t
16 de Setembro de 2016
1637Pub6f16tm37T

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 27.03.2020

 Ordens da saúde pedem ao primeiro-ministro reforço da proteção dos profiss...

As ordens dos Médicos, dos Farmacêuticos e dos Enfermeiros enviaram esta quarta-feira uma carta aber...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

Conselho de Escolas Médicas Portuguesas defende realização maciça de testes

O Conselho de Escolas Médicas Portuguesas (CEMP) defende o uso generalizado de máscaras pela comunid...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

ARSLVT abre 35 áreas dedicadas à Covid-19 nos cuidados saúde primários

Atendendo ao alargamento progressivo da expressão geográfica da pandemia Covid-19 em Portugal, e ten...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

Apifarma cria linha de apoio financeiro para profissionais de saúde

A Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (Apifarma), em articulação com a Ordem dos Médicos...

por Teresa Mendes | 26.03.2020

 Internos de MGF pedem «suspensão de todos os estágios e formações hospital...

Os internos de Medicina Geral e Familiar (MGF) pedem, em comunicado conjunto das associações e comis...

por Teresa Mendes | 26.03.2020

 «Há outras vidas a salvar», alerta Carlos Cortes

Devido ao foco na pandemia por Covid-19, os doentes oncológicos «estão a ficar para trás» e a ativid...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.