Pembrolizumab melhora significativamente a SG em comparação com quimioterapia 

19.12.2016

Doentes com cancro avançado da bexiga previamente tratados
A MSD anuncia os resultados do estudo pivotal KEYNOTE-045 que estuda a utilização de pembrolizumab, a terapêutica anti-PD-1 da companhia, em doentes com cancro avançado da bexiga (urotelial) previamente tratados com quimioterapia contendo platina.
 
Conforme anunciado anteriormente, pembrolizumab foi superior à quimioterapia de escolha do investigador para o endpoint primário de sobrevivência global (SG) neste estudo de fase 3, que foi interrompido precocemente. 

Especificamente, «houve uma redução de 27% no risco de morte em doentes tratados com pembrolizumab em comparação com quimioterapia (SG, HR = 0,73, valor de p: 0,0022)», revela um comunicado da MSD.

De acordo com os dados apresentados recentemente na 31.ª Reunião Anual da Sociedade de Imunoterapia do Cancro, «a melhor sobrevivência global para doentes que recebem pembrolizumab neste ensaio é clinicamente significativa e poderá ter impacto na forma como os médicos consideram tratar doentes com cancro urotelial avançado tratados previamente», afirma Roger Dansey, vice-presidente sénior de Desenvolvimento Clínico Global Oncologia da MSD.

«Houve uma redução de 27% no risco de morte em doentes tratados com pembrolizumab em comparação com quimioterapia (SG, HR = 0,73, valor de p: 0,0022)», revela um comunicado da MSD 

«Estes dados somam-se ao crescente corpo de provas do nosso programa de desenvolvimento clínico para pembrolizumab numa série de cancros, incluindo o cancro urotelial avançado», sublinha ainda o responsável.

16tm51e
19 de Dezembro de 2016
1651Pub2f16tm51E

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 26.05.2020

Covid-19: Hospitais de campanha ficam isentos do pagamento da taxa à ERS

O Governo já decidiu: Os hospitais de campanha, criados no âmbito da resposta à epidemia por SARS-Co...

por Teresa Mendes | 26.05.2020

SPEDM defende inclusão da análise à função tiroideia no rastreio da mulher...

O Grupo de Estudos da Tiroide (GET) da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolism...

por Teresa Mendes | 26.05.2020

Fundação Portuguesa de Cardiologia apela à demonstração de afetos virtuais 

 Campanha inserida no mês dedicado à sensibilização para as doenças do coração<br /> Fundação Portu...

25.05.2020

Governo avalia incentivos financeiros para recuperar atos médicos cancelado...

A ministra da Saúde adiantou este sábado que o Governo está a estudar incentivos financeiros que per...

por Teresa Mendes | 25.05.2020

Insa promove estudo sobre saúde mental e bem-estar em tempos de pandemia 

 O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa) está a promover um estudo para avaliar o...

por Teresa Mendes | 25.05.2020

Quase 20% dos doentes com Covid-19 recuperados permanecem internados 

 Quase 20% dos doentes com Covid-19 recuperados permanecem internados por falta de resposta social....

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.