«Trabalhar em prol dos médicos e do SNS» são objetivos do mandato de António Araújo

20.02.2017

Cerimónia contou com a presença do novo bastonário da OM
O novo presidente do Conselho Regional do Norte da OM, António Araújo, considera que «as expectativas estão muito elevadas, fruto do trabalho de grande qualidade que foi feito nos últimos anos», mas garantiu que a equipa que lidera está determinada em «trabalhar em prol dos médicos, em prol do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e dos doentes». 

«Queremos ser serenos, mas firmes nas posições e propostas que vamos tomar», garantiu o responsável na passada segunda-feira, na cerimónia de tomada de posse, que encheu o Salão Nobre do Centro de Cultura e Congressos do CRN e que contou com a presença do bastonário da OM, Miguel Guimarães, e do secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo.

António Araújo recordou alguns dos objetivos para o triénio de 2017/2019. Desde logo o reforço da participação dos Conselhos Sub-Regionais nas atividades da Ordem e a descentralização de algumas das atividades pelas diversas sub-regiões, para que aqueles possam estreitar a sua relação de proximidade com os médicos. 

O presidente do CRN salientou igualmente que pretende visitar periodicamente os médicos nos seus locais de trabalho para, assim, «antecipar os problemas, contribuindo de uma forma ativa para a sua resolução, estabelecendo pontes de diálogo entre os médicos, os conselhos de administração das unidades de saúde e a Administração Regional de Saúde».

A nova direção do CRN pretende ainda reforçar a atualização e a adequação dos procedimentos administrativos, concluir a certificação de qualidade, que se encontra em curso, e contribuir para a implementação do balcão eletrónico, um objetivo que, asseverou António Araújo, espera ver cumprido já em abril próximo.

Já o bastonário da Ordem dos Médicos aproveitou o seu primeiro ato público para agradecer o trabalho desenvolvido pelas equipas que aqui liderou nos últimos seis anos, destacando a importância que as mesmas tiveram para se atingirem os bons resultados que estão visíveis aos olhos de todos.

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde elogiou a capacidade de liderança do novo presidente e manifestou a disponibilidade do Ministério da Saúde para, em conjunto, procurar resolver os problemas com que os médicos se deparam diariamente no seu trabalho.

Na cerimónia tomaram posse, para além dos órgãos regionais, os órgãos sub-regionais do Porto e os elementos da Assembleia de Representantes do Círculo Sub-Regional do Porto.

O discurso integral de tomada de posse do novo presidente do CRN da OM está disponível aqui

17tm08b
20 de Fevereiro de 2017
1708Pub2f17tm08B

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

15.01.2018

Enfermeiros com CIT vão ter regras iguais às da Função Pública a partir de...

Os cerca de 11 mil enfermeiros com Contrato Individual de Trabalho (CIT) vão cumprir, a partir de ju...

15.01.2018

Cerca de 200 médicos especialistas já desistiram de esperar por concursos

Pelo menos 200 dos cerca de 700 médicos que concluíram a especialidade em abril e outubro já saíram...

15.01.2018

Infarmed aprovou 60 medicamentos inovadores em 2017

No dia em que se assinala o 25.º aniversário do Infarmed, o organismo informa que, em 2017, aprovou...

12.01.2018

Canábis: Projetos baixam à CPS sem votação

Os projetos de lei para a utilização terapêutica da canábis do BE e do PAN, em discussão esta quinta...

12.01.2018

«Onde está o Wally, senhor primeiro-ministro?»

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) critica o primeiro-ministro por não saber qual o número real...

por Teresa Mendes | 12.01.2018

Estado passa a comparticipar novos sensores de glicose em 85%

Entra hoje em vigor a portaria que estabelece um custo máximo de 53 euros e uma comparticipação de 8...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.