2Bio4Cartilage

09.08.2017

Leiria com projeto inovador para tratar e prevenir a osteoartrite
O Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional Portugal 2020 aprovou o 2Bio4Cartilage, um projeto de investigação conjunta do Centro Hospitalar de Leiria (CHL) e do Instituto de Politécnico de Leiria para a prevenção e tratamento de lesões da cartilagem/degeneração articular.

Segundo CHL, serão nove os investigadores que irão trabalhar no tratamento e prevenção da osteoartrite, «um problema com grande prevalência», refere o centro hospitalar em comunicado.

O projeto inclui um programa de intervenção integrado para prevenção e tratamento de lesões da cartilagem e uma abordagem multidisciplinar ao problema da degeneração articular, sendo composto por um programa de exercício físico para redução da dor e aumento da independência funcional dos doentes e a otimização da engenharia de biomateriais e bioprocessos para próteses articulares mais adequadas. 

O 2Bio4Cartilage tem ainda como objetivo geral a sensibilização do público para o problema da degeneração articular.

O programa arranca já em setembro, envolvendo, além do CHL, os Politécnicos de Coimbra e Santarém. Terá a duração de 18 meses e financiamento do Portugal 2020 na ordem dos 150 mil euros, conclui o Centro Hospitalar de Leiria.

Recorde-se que a osteoartrite é uma condição crónica que afeta mais de 250 milhões de pessoas em todo o mundo e tem um impacto significativo nos cuidados de saúde e na sociedade. Segundo o estudo Global Burden of Disease, da Organização Mundial da Saúde, a osteoartrite do joelho é a 11.ª principal causa de deficiência e mostra uma tendência crescente. 

O Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional Portugal 2020 aprovou o 2Bio4Cartilage, um projeto de investigação conjunta do Centro Hospitalar de Leiria (CHL) e do Instituto de Politécnico de Leiria para a prevenção e tratamento de lesões da cartilagem/degeneração articular 

Todos os anos, mais de 50 milhões de pessoas recorrem ao médico por causa de dor nas articulações, metade delas com problemas ao nível da cartilagem articular.

17tm33K
09 de Agosto de 2017
1733Pub4f17tm33K

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 20.07.2018

Maioria dos médicos manifesta apoio aos chefes demissionários do Hospital d...

São já 157 os médicos da Urgência do Hospital de São José, em Lisboa, que assinaram uma carta em apo...

20.07.2018

Médicos sem especialidade podem vir a reforçar INEM

Os médicos que não conseguiram a especialidade por falta de vaga podem vir a reforçar o Instituto Na...

por Teresa Mendes | 19.07.2018

Secretária de Estado da Saúde «lança» projeto Exames Sem Papel

A partir de agosto será feita a massificação da desmaterialização do processo de requisição de meios...

19.07.2018

  Pacotes vão ter menos açúcar em 2020

A partir janeiro de 2020 vão deixar de ser produzidas doses individuais de açúcar que excedam os qua...

por Teresa Mendes | 19.07.2018

Doentes com acesso a canábis medicinal nas farmácias a partir de agosto

A Assembleia da República (AR) publicou esta quarta-feira, a Lei que regula a utilização de medicame...

por Teresa Mendes | 18.07.2018

Doentes paliativos passam a ter direitos consagrados na Lei

As pessoas em contexto de doença avançada e em fim de vida passam a ter direitos consagrados na legi...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.