«80 a 90%» dos Médicos do Norte aderiram à greve

12.10.2017

Paralisação fechou todos os blocos operatórios dos três hospitais do distrito de Bragança
A greve dos médicos da região norte, que decorreu esta quarta-feira, fechou hoje todos os blocos operatórios dos três hospitais do distrito de Bragança, com o cancelamento de 22 cirurgias, segundo a sindicalista Isabel Fernandes.
O secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos, Jorge Roque da Cunha, avançou com números gerais de adesão entre «os 80 e os 90%».

Presente no Hospital de Pedro Hispano, em Matosinhos, o dirigente sindical informou ainda que, naquela unidade, «apenas uma sala do bloco operatório estava a funcionar, com um doente oncológico».

«As cirurgias em Viana do Castelo não estão a funcionar, no Hospital de São João estão a funcionar apenas duas, de onze, e no geral os centros de saúde estão com uma adesão entre os 80 e 90%», acrescentou.

Estes números, revelam, para Roque da Cunha, que «os médicos estão descontentes e concordam com esta decisão dos sindicatos de avançar com esta greve». 

«Aguardamos que esta manifestação de descontentamento dos médicos faça com o Ministério da Saúde negoceie de uma forma séria e faça aquilo que tem de fazer que é apresentar uma contraproposta correta», sublinhou.

«Aguardamos que esta manifestação de descontentamento dos médicos faça com o Ministério da Saúde negoceie de uma forma séria e faça aquilo que tem de fazer que é apresentar uma contraproposta correta», sublinhou Roque da Cunha 

Segue-se na próxima semana, a paralisação dos médicos na região Centro.
Na semana seguinte a greve acontece na zona Sul e dia 8 de novembro, greve nacional.

17tm43P
12 de Outubro de 2017
1743Pub5f17tm43P

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

12.12.2017

Cerimónia de Homenagem a Maria Odette Santos-Ferreira

A Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa (FFUL) vai homenagear Maria Odette Santos-Ferreira...

12.12.2017

Excesso de peso na adolescência aumenta risco cardiovascular no futuro

Um estudo, que mostrou que o excesso de peso na adolescência aumenta o risco cardiovascular em adult...

por Teresa Mendes | 12.12.2017

Criado grupo com 27 elementos para avaliar a deslocalização do Infarmed

São 27 as personalidades, entre médicos, farmacêuticos, professores universitários e economistas, qu...

11.12.2017

OMS lança Observatório Global de Demências 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que os atuais 50 milhões de doentes com demências aument...

11.12.2017

Infarmed celebra 25 anos 

A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) vai assinalar o seu 25.º aniversário numa cerimónia...

11.12.2017

Bastonário apela a «revisão urgente das carreiras médicas»

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, apela ao Ministério da Saúde que faça uma...

11.12.2017

 Governo vai avaliar situação da associação Raríssimas

O Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social vai «avaliar a situação» da Raríssimas e...

07.12.2017

Professores da FMUL vencem Prémios Neurociências Santa Casa 2017

Os prémios Neurociências Santa Casa 2017 destacaram dois professores da Faculdade de Medicina da Uni...

07.12.2017

«Queremos ser claramente a melhor central de compras na Europa»

«Queremos ser claramente a melhor central de compras na Europa», afirmou Henrique Martins, president...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.