SPMS quer ter visão «On Time» da assiduidade dos profissionais do SNS 

por Teresa Mendes | 14.11.2017

Escalas médicas controladas a partir de abril de 2018
A Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) quer ter uma visão «On Time» da assiduidade dos profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Uma circular normativa, dirigida a todos os serviços e unidades do SNS, vem reforçar o uso obrigatório do registo biométrico.

Dando cumprimento ao despacho do Ministério da Saúde de 25 de outubro, que determina o uso de sistema de registo biométrico como forma de acompanhamento da assiduidade dos trabalhadores, independentemente do regime de vinculação detido, e de uso obrigatório, a SPMS informa que «a comunicação dos registos deverá ocorrer em espaço temporal mínimo, garantindo uma visão “On Time” da assiduidade do SNS», lê-se na circular emitida hoje

O documento salienta que é da responsabilidade dos hospitais «garantir a correta e atempada comunicação da informação nos sistemas operacionais disponibilizados pela SPMS» e que «as entidades têm que comunicar todos os registos de ponto dos trabalhadores diariamente, independentemente do regime de vinculação».

Esta comunicação à SPMS «deve iniciar-se a partir do dia 1 de janeiro de 2018», determinando ainda o organismo que «a inserção diária de listas de registos de ponto deve enviar todos os registos (novos ou alterados) atualizando a BD sempre que tenha havido qualquer modificação ao registo biométrico de cada trabalhador».

A Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) quer ter uma visão «On Time» da assiduidade dos profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Uma circular normativa, dirigida a todos os serviços e unidades do SNS, vem reforçar o uso obrigatório do registo biométrico 

A SPMS comunica ainda que está a ultimar os requisitos necessários à integração das escalas no registo biométrico, que passam a ser de comunicação obrigatória a partir de 1 de abril de 2018. 

Por fim, todos os registos de trabalho desenvolvido, incluindo o que seja realizado a título de trabalho noturno, extraordinário, prevenção ou chamada devem ser comunicados através de Web Services, já disponíveis no Help online do RHV, a partir de 1 de janeiro de 2018.

17tm48F
14 de Novembro de 2017
1748Pub3f17tm48F

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

17.11.2017

Aumentou o consumo de antibióticos em Portugal

O consumo de antibióticos voltou a aumentar em Portugal em 2016 pelo terceiro ano consecutivo.<br />...

17.11.2017

ANEM reúne mais de 5000 assinaturas e leva qualidade de formação ao Parlame...

Mais de 150 estudantes de Medicina entregaram no Parlamento, esta quinta-feira, dia da Prova Naciona...

17.11.2017

Tabaco mata uma em cada quatro pessoas entre os 50 e os 59 anos

O consumo de produtos do tabaco rendeu ao Estado 1.515,1 milhões de euros em 2016, mais 24,9% do que...

17.11.2017

GAT disponibiliza teste de VIH e hepatites virais em 30 locais

«Testar. Tratar. Prevenir» é o tema da Semana Europeia do Teste VIH-Hepatites, que começa hoje, dia...

16.11.2017

Profissionais das dependências em «situação de ingovernabilidade»

Numa altura em que a decisão da reativação do Instituto da Droga e da Toxicodependência (IDT) foi ad...

16.11.2017

Disponíveis 2271 vagas para o Internato Médico 2018

A Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) publicou hoje no Diário da República o mapa de va...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.