José Carlos Caiado indicado para a ACSS

06.12.2017

Marta Temido está de saída 
Após dois anos à frente na Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), Marta Temido deixa o instituto público no final do mês. Segundo o Público, a especialista em administração hospitalar vai ser subdiretora do Instituto de Higiene e Medicina Tropical, da Universidade Nova de Lisboa.

O mandato terminou em setembro, tendo a dirigente pedido nessa altura para abandonar o cargo, assunto que Marta Temido não quis comentar à agência Lusa. 

Recorde-se que antes de liderar a ACSS, Marta Temido pertenceu ao conselho de administração do Hospital Arcebispo João Crisóstomo, em Cantanhede, e foi presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares.

Após dois anos à frente na Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), Marta Temido deixa o instituto público no final do mês

O Público diz ainda que, para a substituição da dirigente, terá sido indicado o nome de José Carlos Caiado, doutorado em estatística e gestão de informação e vogal da comissão executiva do SAMS (Serviço de Assistência Médico-Social dos Trabalhadores da Banca), instituição que o atual ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, dirigia antes de ocupar o cargo governamental.

17tm51K
06 de Dezembro de 2017
1751Pub4f17tm51K

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 24.09.2018

Abertas as candidaturas ao Prémio Artur Santos Silva da LPCC

Estão abertas, até ao próximo dia 19 de outubro, as candidaturas ao Prémio Nacional de Oncologia da...

24.09.2018

 Governo quer aumentar taxa sobre o açúcar nos refrigerantes

A taxa máxima do imposto sobre o açúcar nos refrigerantes pode aumentar de 16 para 20 euros por cada...

por Teresa Mendes | 21.09.2018

7.ª Reunião da Vigilância Epidemiológica da Gripe em Portugal

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa), em colaboração com a Direção-Geral da Saú...

por Teresa Mendes | 21.09.2018

 «Acesso à saúde é caro e tem de ser pago», alerta Teodora Cardoso

A presidente do Conselho das Finanças Públicas (CFP) alertou esta quinta-feira para a necessidade do...

por Teresa Mendes | 20.09.2018

 Portugueses têm «importantes lacunas no conhecimento sobre a doença cardio...

Um estudo publicado na mais recente edição da Revista Portuguesa de Cardiologia conclui que existem...

20.09.2018

 CE aprova Keytruda® em combinação com pemetrexedo e quimioterapia como 1.ª...

A MSD anunciou que a Comissão Europeia (CE) aprovou pembrolizumab (Keytruda®) em combinação com peme...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.