Ordem dos Enfermeiros apela à recusa em fazer mais horas extraordinárias

14.12.2017

Organismo diz saber que as Finanças vão impedir contratação de mais enfermeiros até final do ano
 A Ordem dos Enfermeiros (OE) lançou um apelo a todos os enfermeiros para que, «de imediato, se recusem a fazer mais horas extraordinárias».

O repto surge na sequência do «conhecimento da recusa, por parte das Finanças, em contratar mais enfermeiros, pelo menos até ao final do ano, em pleno período de contingência da gripe», justifica a OE num comunicado.

«É uma informação que chegou à Ordem através dos conselhos de administração de vários hospitais, que lidam com uma grande dificuldade, neste momento, porque já se verifica um grande aumento de pessoas a recorrer às Urgências», diz a bastonária, Ana Rita Cavaco, sublinhando que «é inédito ativar um plano de contingência e abrir mais camas e, ao mesmo tempo, impedir a contratação de profissionais».

Ana Rita Cavaco sublinha que «é inédito ativar um plano de contingência e abrir mais camas e, ao mesmo tempo, impedir a contratação de profissionais» 

«Enquanto o Governo impede a contratação de enfermeiros, o falso trabalho extraordinário aumenta, os hospitais devem milhares de horas aos enfermeiros e, um em cada cinco enfermeiros, está em exaustão emocional», alerta ainda a responsável.


17tm52P
14 de Dezembro de 2017
1752Pub5f17tm52P

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Economista Márcia Roque é a nova presidente da ACSS

O Conselho de Ministros (CM) desta quinta-feira nomeou a economista Márcia Roque para presidente do...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

 Portugal tem o maior rácio de médicos de MGF por habitante da UE

Portugal é o país da União Europeia (UE) com a maior taxa de especialistas de Medicina Geral e Famil...

18.01.2019

CHUC lança projeto «H2 – Humanizar o Hospital»

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) lança, no próximo dia 24, o projeto «H2 - Huma...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Daniel Ferro substitui Carlos Martins à frente do CHULN

Daniel Ferro, atual presidente do conselho de administração do Hospital Garcia de Orta, vai substitu...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Centro Hospitalar do Oeste está «refém de prestadores de serviço»

O Centro Hospitalar do Oeste (CHO) é a terceira unidade de saúde do país com maior volume de horas c...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Cancro digestivo mata uma pessoa a cada hora em Portugal

O cancro digestivo mata uma pessoa por hora em Portugal, uma doença que tem vindo a aumentar nos últ...

por Teresa Mendes | 16.01.2019

Governo quer melhorar os Serviços de Urgência

O Governo criou um grupo de trabalho para estudar os diferentes modelos organizativos no funcionamen...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.