«Onde está o Wally, senhor primeiro-ministro?»

12.01.2018

Fnam critica António Costa por não saber quantas USF abriram em 2017
A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) critica o primeiro-ministro por não saber qual o número real de Unidades de Saúde Familiar (UFS) que entraram em funcionamento em 2017.
«Permita-nos que lhe perguntemos onde está o Wally, senhor primeiro-ministro. Onde estão as USF que faltam?», questiona o sindicato.

A «dúvida e incompreensão», manifestada pela Fnam num comunicado, está relacionada com os números que António Costa anunciou na passada terça-feira no Parlamento, tendo o governante afirmado que o Governo abriu 23 Unidades de Saúde Familiar (USF) no último ano.

Recorde-se que nesse mesmo dia as suas declarações foram desmentidas pela Associação Nacional das USF, que garante que apenas abriram cinco unidades em 2017, ressalvando que, ainda assim, nem sequer são legais, uma vez que carecem da publicação do despacho conjunto dos ministérios das Finanças e da Saúde.

Permita-nos que lhe perguntemos onde está o Wally, senhor primeiro-ministro. Onde estão as USF que faltam?», questiona o sindicato 

Este número foi igualmente confirmado pelo ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, na reunião do Plenário, nesta quarta-feira.

No comunicado, a Fnam sublinha ainda que o programa do Governo se comprometeu com a reforma dos cuidados de saúde primários, incluindo a implementação de 100 USF nesta legislatura.

Teresa Mendes

18tm02R
12 de Janeiro de 2018
1802Pub6f18tm02R

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

12.12.2018

 Infarmed disponibiliza relatório anual sobre estatísticas do medicamento

A Autoridade Nacional do Medicamento divulgou esta terça-feira o seu relatório anual «Estatística do...

por Teresa Mendes | 12.12.2018

Conselho das Finanças Públicas alerta para «restrições efetivas no acesso»...

«Considerando que Portugal possui um sistema nacional de saúde com cobertura automática e integral d...

12.12.2018

Ordem dos Médicos pede «exceção» para operar crianças 

A Ordem dos Médicos (OM) defendeu esta terça-feira, no final de uma reunião com os diretores clínico...

por Teresa Mendes | 11.12.2018

Equipa dedicadas nos serviços de Urgência avançam em 2019

O conceito de Centro de Responsabilidade Integrada (CRI) será estendido aos serviços de Urgência hos...

por Teresa Mendes | 11.12.2018

Ordem dos Enfermeiros abandona Convenção Nacional de Saúde

A Ordem dos Enfermeiros (OE) decidiu abandonar a Convenção Nacional de Saúde (CNS) por considerar qu...

11.12.2018

 Marta Temido defende reflexão profunda para «sair da fase da estagnação»

Passados dez anos sobre a reforma dos cuidados de saúde primários (CSP), a ministra da Saúde defende...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.