Ministério autoriza novo concurso para médicos de família

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 11.04.2018

Procedimento permite mudança de local de trabalho
O Ministério da Saúde autorizou a abertura de um novo concurso para a contratação de 84 médicos de Medicina Geral e Familiar (MGF).
De acordo com o despacho, publicado esta terça-feira no Diário da República, o objetivo é permitir que clínicos já em funções possam mudar de local de trabalho se assim o desejarem.

A maioria das vagas que serão abertas concentram-se nas regiões Centro (32) e em Lisboa e Vale do Tejo (29).
Com a abertura deste novo concurso, a tutela repete o que fez no ano passado, de forma a garantir a mobilidade dos médicos de família que já têm contrato com o SNS. 

«Não podemos deixar de ter presente que existem médicos de MGF que pretendem alterar o seu local de trabalho, o que nem sempre tem sido possível garantir através do recurso ao mecanismo geral da mobilidade previsto na lei, e que se torna relevante em termos de equidade e motivação dos recursos humanos», lê-se no despacho

O Ministério da Saúde autorizou a abertura de um novo concurso para a contratação de 84 médicos de Medicina Geral e Familiar (MGF). O objetivo é permitir que clínicos já em funções possam mudar de local de trabalho 

O Ministério da Saúde diz ainda que este foi um «processo negociado com os sindicatos médicos» e que o concurso é de âmbito nacional.

18tm15L
11 de Abril de 2018
1815Pub4f18tm15L

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Economista Márcia Roque é a nova presidente da ACSS

O Conselho de Ministros (CM) desta quinta-feira nomeou a economista Márcia Roque para presidente do...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

 Portugal tem o maior rácio de médicos de MGF por habitante da UE

Portugal é o país da União Europeia (UE) com a maior taxa de especialistas de Medicina Geral e Famil...

18.01.2019

CHUC lança projeto «H2 – Humanizar o Hospital»

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) lança, no próximo dia 24, o projeto «H2 - Huma...

por Teresa Mendes | 18.01.2019

Daniel Ferro substitui Carlos Martins à frente do CHULN

Daniel Ferro, atual presidente do conselho de administração do Hospital Garcia de Orta, vai substitu...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Centro Hospitalar do Oeste está «refém de prestadores de serviço»

O Centro Hospitalar do Oeste (CHO) é a terceira unidade de saúde do país com maior volume de horas c...

por Teresa Mendes | 17.01.2019

Cancro digestivo mata uma pessoa a cada hora em Portugal

O cancro digestivo mata uma pessoa por hora em Portugal, uma doença que tem vindo a aumentar nos últ...

por Teresa Mendes | 16.01.2019

 SIM acusa Governo de não resolver a «situação crítica» no INML

No dia da abertura do ano judicial o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) deixou um apelou ao Go...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.