«Do Saber ao Sabor. Da Vida»

por Teresa Mendes | 13.06.2018

Dia Mundial da Esclerose Lateral Amiotrófica assinalado a 21 de junho
A Associação Portuguesa de Esclerose Lateral Amiotrófica (APELA) organiza, no próximo dia 21 de junho, uma ação de consciencialização para assinalar o Dia Mundial da Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). «Do Saber ao Sabor. Da Vida» é o mote do evento que terá lugar no Fórum Picoas, em Lisboa, entre as 14h30 e as 18h15.

À semelhança de anos anteriores, a Associação escolheu em 2018 um dos cinco sentidos, o paladar, como forma de aludir à sensorialidade, que não cede a perdas, ao contrário do que acontece na generalidade da progressão desta doença incapacitante, caracterizada pela fraqueza e atrofia musculares progressivas.

«Do sabor dos alimentos ao sabor das experiências de vida, há um denominador comum: o seu travo, que pode ser doce ou amargo, dependendo da forma como é percecionado», lê-se no comunicado.
E como a ideia de perceção é relativa, a APELA convida o público a desafiar um eventual padrão de gosto e a embarcar numa viagem, marcada pelo (re)conhecimento de si mesmo em cada uma destas impressões ou em cada um destes sabores.

A Associação Portuguesa de Esclerose Lateral Amiotrófica (APELA) organiza, no próximo dia 21 de junho, uma ação de consciencialização para assinalar o Dia Mundial da Esclerose Lateral Amiotrófica. «Do Saber ao Sabor. Da Vida» é o mote do evento que terá lugar no Fórum Picoas, em Lisboa 

Recorde-se que a APELA é uma organização não governamental sem fins lucrativos que tem como objetivo promover a divulgação da natureza da doença junto da sociedade civil, doentes, famílias, médicos e todo o pessoal técnico ligado à área da saúde, bem como apoiar os doentes com esclerose lateral amiotrófica, e familiares no sentido de os esclarecer e ajudar na resolução dos seus variados problemas.

A entrada no evento é gratuita, mediante inscrição prévia, através do preenchimento do formulário disponível aqui

Para mais informações consulte o programa 

18tm24L
13 de Junho de 2018
1824Pub4f18tm24L

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

14.08.2018

Centro Hospitalar de Leiria está a trabalhar «no limite»

O presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar de Leiria (CHL), Helder Roque, alerto...

por Teresa Mendes | 14.08.2018

 Hipertensão é o principal problema de saúde dos utentes da ARSLVT

A hipertensão é o principal problema de saúde dos utentes dos cuidados de saúde primários da Adminis...

por Teresa Mendes | 14.08.2018

Doentes continuam sem acesso à nutrição parentérica no ambulatório

A nutrição parentérica ou entérica continua a não estar acessível aos doentes que dela precisam nos...

14.08.2018

Horas de sono a mais aumentam risco cardiovascular

Dormir menos do que sete horas diárias ou mais do que as oito recomendadas pode aumentar o risco de...

por Teresa Mendes | 13.08.2018

Especialistas portugueses integram missão contra o Ébola

Três especialistas portugueses vão integrar uma missão internacional de prevenção e resposta rápida...

por Teresa Mendes | 13.08.2018

Concurso de colocação dos médicos recém-especialistas é uma «falácia»

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) considera o concurso de colocação dos médicos recém-especial...

13.08.2018

IPO de Lisboa regista aumento de quase 30% da produção científica

 O Anuário da Atividade Científica 2017 do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa já pode...

13.08.2018

Recolha de resíduos de medicamentos aumentou 8%

A Valormed recolheu 560 toneladas de resíduos de medicamentos no primeiro semestre de 2018, mais 8%...

por Teresa Mendes | 10.08.2018

Tutela lança novo serviço do SNS 24 sobre sangue e transplantação

O Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde (SNS 24) tem um novo serviço informativo para os c...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.