Primeiras consultas de Oftalmologia podem vir a ser feitas nos CSP

por Teresa Mendes | 26.06.2018

Objetivo é «libertar a estrutura hospitalar para tarefas de maior complexidade clínica»
A comissão da Estratégia Nacional para a Saúde da Visão propõe rastreios infantis e o rastreio sistemático de retinopatia a todos os diabéticos nos cuidados de saúde primários (CSP).
No documento, divulgado hoje pela Direção-Geral da Saúde, é também proposta a realização de primeiras consultas nos CSP para «libertar a estrutura hospitalar para tarefas de maior complexidade clínica».

A equipa que elaborou a estratégia, sugere igualmente a criação de «pontos de observação única para identificação de doença ou fatores de risco para o glaucoma e degenerescência macular da Idade nas pessoas com 60 ou mais anos».

De uma forma geral, os objetivos da Estratégia passam, essencialmente, por «garantir a universalidade dos cuidados de saúde visual à população portuguesa, melhorando a acessibilidade e garantindo a equidade».

Ao nível da rede hospitalar já organizada, a Estratégia propõe a criação prioritária de uma Rede Nacional de Rastreio e Tratamento de Retinopatia da Prematuridade, bem como a reorganização dos serviços de urgência em Oftalmologia.

A comissão da Estratégia Nacional para a Saúde da Visão propõe rastreios infantis e o rastreio sistemático de retinopatia a todos os diabéticos nos CSP. No documento é também proposta a realização de primeiras consultas nos CSP para «libertar a estrutura hospitalar para tarefas de maior complexidade clínica» 

A estratégia apresentada será globalmente suportada por um sistema de informação a desenvolver pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS).

A Estratégia Nacional para a Saúde da Visão, que está em discussão pública até 26 de julho, está disponível aqui

As propostas podem ser enviados para o seguinte endereço de e-mail: ENSAVI@dgs.min-saude.pt

18tm26H
26 de Junho de 2018
1826Pub3f18tm26H

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

16.07.2019

«A equidade cada vez depende mais do código postal», adverte bastonário

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, defendeu esta segunda-feira mais investime...

16.07.2019

 Ministra reconhece «assimetria muito grande» na distribuição de médicos no...

A ministra da Saúde reconheceu esta segunda-feira na Sertã, distrito de Castelo Branco, que continua...

16.07.2019

Ministra da Saúde defende quadro permanente de anestesistas na MAC

 A ministra da Saúde afirmou esta segunda-feira que não vai desistir de dotar a Maternidade Alfredo...

por Teresa Mendes | 16.07.2019

Hospital de Bragança passa a disponibilizar hospitalização domiciliária

O Hospital de Bragança, inserido na Unidade Local de Saúde (ULS) do Nordeste, vai passar a disponibi...

por Teresa Mendes | 15.07.2019

 Apifarma lança «Prémio Cidadania em Saúde»

No âmbito das comemorações dos seus 80 anos, a Apifarma instituiu o «Prémio Cidadania em Saúde», que...

por Teresa Mendes | 12.07.2019

 Foram aprovados mais do dobro de medicamentos inovadores no primeiro semes...

O Infarmed informou, esta quinta-feira, que no primeiro semestre de 2019 foram «concluídos 61 proces...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.