Maioria dos portugueses protege-se contra o sol

por Teresa Mendes | foto de "dR" | 09.07.2018

Mulheres e indivíduos com mais escolaridade utilizam mais proteção solar
 
Quase 69% dos portugueses utilizam com frequência alguma proteção contra o sol nos meses de verão.
A sua maioria (75,3%) são mulheres, segundo dados do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa), referente à população residente em Portugal em 2015, com idades compreendidas entre os 25 e os 74 anos.

«Entre junho e setembro, quando está ao sol durante 1 hora ou mais, é frequente utilizar proteção contra o sol?» foi a pergunta colocada aos portugueses pelo Departamento de Epidemiologia do Insa. 

De acordo com o organismo, 4.6 milhões de portugueses (68,7%) referiu utilizar com frequência alguma proteção contra o sol, sendo a utilização mais frequente no sexo feminino (75,3%) e nos grupos etários mais jovens (70,3% e 72,6% entre os 25-34 e os 35-44 anos, respetivamente).

Os dados revelam ainda que a proteção solar é mais frequente na Região do Alentejo (73,0%), nos indivíduos com atividade profissional (71,4%) e nos indivíduos com mais escolaridade (79,1%).

Quase 69% dos portugueses utilizam com frequência alguma proteção contra o sol nos meses de verão. A sua maioria (75,3%) são mulheres, segundo dados do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge 

O Insa, que disponibiliza esta informação num formato infográfico, revela que os dados têm como como fonte o primeiro Inquérito Nacional de Saúde com Exame Físico (INSEF), desenvolvido em 2015 para recolha de informação epidemiológica sobre o estado, determinantes e cuidados de saúde da população portuguesa.

Recorde-se que foram estudadas 4911 pessoas, na sua maioria em idade ativa (84,3% com idade entre os 25 e os 64 anos).

A infografia pode ser consultada aqui

18tm28D
09 de Julho de 2018
1828Pub2f18tm28D

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 19.07.2018

Secretária de Estado da Saúde «lança» projeto Exames Sem Papel

A partir de agosto será feita a massificação da desmaterialização do processo de requisição de meios...

19.07.2018

  Pacotes vão ter menos açúcar em 2020

A partir janeiro de 2020 vão deixar de ser produzidas doses individuais de açúcar que excedam os qua...

por Teresa Mendes | 19.07.2018

Doentes com acesso a canábis medicinal nas farmácias a partir de agosto

A Assembleia da República (AR) publicou esta quarta-feira, a Lei que regula a utilização de medicame...

por Teresa Mendes | 18.07.2018

Doentes paliativos passam a ter direitos consagrados na Lei

As pessoas em contexto de doença avançada e em fim de vida passam a ter direitos consagrados na legi...

por Teresa Mendes | 18.07.2018

«Mudar o Infarmed para o Porto é possível», diz António Araújo

O presidente do Conselho Regional do Norte da Ordem dos Médicos classificou esta terça-feira de «ego...

por Teresa Mendes | 17.07.2018

Poluição também provoca AVC, alertam especialistas

«Clean Air for Brain Health» é o tema escolhido pela World Federation of Neurology (WFN) para assina...

por Teresa Mendes | 17.07.2018

ANEM publica 4.ª edição das «Cartas a Estudantes de Medicina»

A Associação Nacional dos Estudantes de Medicina (ANEM) publicou a edição de junho das «Cartas a Est...

17.07.2018

Apenas 9% dos idosos portugueses são saudáveis

A população idosa portuguesa tem baixos níveis de saúde em comparação com os de outros países europe...

17.07.2018

Morreu João Semedo, médico e antigo líder do BE

 Morreu esta terça feira, aos 67 anos, João Semedo, antigo líder do Bloco de Esquerda (BE).<br /> O...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.