Há diretores executivos que querem deixar de imprimir as guias de tratamento

por Teresa Mendes | foto de www.simedicos.pt/ | 26.07.2018

Motivos de natureza estritamente administrativa estão na origem da medida
O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) denuncia que há diretores executivos que pretendem deixar de imprimir as guias de tratamento das prescrições, que normalmente ficam para o doente, invocando «motivos de natureza estritamente administrativa».

«Ao doente, ou ao seu cuidador, é geralmente fornecida pelo seu médico uma Guia de Tratamento, em suporte de papel. Esta é obrigação formal do médico prescritor por elementares e óbvios motivos de segurança e responsabilidade médico-legal», salienta o sindicato que acusa os diretores (não identificados) de estarem a «interferir ainda mais na já tão degradada relação terapêutica com os doentes».

O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) denuncia que há diretores executivos que pretendem deixar de imprimir as guias de tratamento das prescrições, que normalmente ficam para o doente, invocando «motivos de natureza estritamente administrativa» 

«Sugerimos que tenham a elementar frontalidade de assumir a asneira de eliminar definitivamente a possibilidade de imprimir as guias de tratamento, responsabilizando-se por (ao menos) mais este profundo disparate, próprio de quem não trata, não vê e não atende doentes», lê-se no comunicado

18tm30O
26 de Julho de 2018
1830Pub5f18tm30O

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 EPE estavam em falência técnica no ano passado

Em 2018, metade dos hospitais EPE do país encontrava-se em falência técnica, segundo uma análise do...

06.12.2019

Chefes de cirurgia de Faro recusam fazer urgências a partir de 1 de janeiro

A partir de 1 de janeiro de 2020, os chefes de equipa de Cirurgia do Hospital de Faro vão deixar de...

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 Sarampo matou mais de 140 mil pessoas no mundo em 2018

Em 2018, o sarampo foi responsável pela morte de mais de 140.000 pessoas, segundo novas estimativas...

por Teresa Mendes | 06.12.2019

«Não existem cigarros eletrónicos nem produtos de tabaco seguros»

«Não existem cigarros eletrónicos nem produtos de tabaco seguros, nomeadamente tabaco aquecido. Apre...

por Teresa Mendes | 05.12.2019

ADSE passa a ser tutelada pelo Ministério da Administração Pública

A ADSE já não é da tutela do Ministério da Saúde. Segundo o regime da organização e funcionamento do...

por Teresa Mendes | 05.12.2019

 Reduzir o colesterol mais cedo pode diminuir risco cardiovascular mais tar...

Reduzir os níveis de colesterol com medicamentos em pessoas com menos de 45 anos pode reduzir o risc...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.