«Receitas com lata»

por Teresa Mendes | 18.08.2018

DGS lança manual com receitas à base de conservas de pescado
Bruchetta de broa e mexilhão, caldeirada de cavala em tomate ou um pastel de atum, grão-de-bico e espinafres são algumas das receitas de conservas reunidas no manual «Receitas com lata», lançado esta quinta-feira pela Direção-geral da Saúde (DGS).
O objetivo é promover a alimentação saudável, aproveitando o facto de produzimos mais de 52 mil toneladas de conservas de pescado por ano.

Produzido no âmbito da Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável (EIPAS) da DGS, o livro de receitas da autoria do chef Fábio Bernardino, pretende «transformar uma simples conserva numa refeição ou snack rápidos de fazer, com elevada qualidade nutricional e excelente sabor», salienta um comunicado da DGS.

Todas as receitas apresentadas não levaram sal adicionado e a sua composição nutricional é descrita em cada receita.

Para além destas sugestões práticas, de como cozinhar o pescado e da informação inovadora sobre o valor nutricional de muitas das conservas à venda em Portugal, é feita ainda uma revisão sobre os riscos e vantagens do consumo de conservas bem como uma análise do seu preço.

A maior parte das conservas de pescado à venda em Portugal, à data desta recolha, «apresenta valores de sal sem excessos, proteína de grande qualidade e, em muitos casos, gordura de grande valor nutricional», salienta a nota à Imprensa.

Produzido no âmbito da Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável da DGS, o livro de receitas da autoria do chef Fábio Bernardino, pretende «transformar uma simples conserva numa refeição ou snack rápidos de fazer, com elevada qualidade nutricional e excelente sabor» 

O documento resulta do trabalho levado a cabo por diferentes Ministérios que integram a EIPAS e pretende contribuir para o aumento e popularização do consumo de pescado em Portugal, um alimento de grande interesse para o público mais jovem, geralmente pouco motivado para o consumo de pescado, bem como para a população idosa, onde a proteína é essencial para a manutenção da qualidade muscular e qualidade de vida no geral.

Para saber mais, consulte o manual aqui 

18tm33M
17 de Agosto de 2018
1833Pub6f18tm33M

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 EPE estavam em falência técnica no ano passado

Em 2018, metade dos hospitais EPE do país encontrava-se em falência técnica, segundo uma análise do...

06.12.2019

Chefes de cirurgia de Faro recusam fazer urgências a partir de 1 de janeiro

A partir de 1 de janeiro de 2020, os chefes de equipa de Cirurgia do Hospital de Faro vão deixar de...

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 Sarampo matou mais de 140 mil pessoas no mundo em 2018

Em 2018, o sarampo foi responsável pela morte de mais de 140.000 pessoas, segundo novas estimativas...

por Teresa Mendes | 05.12.2019

ADSE passa a ser tutelada pelo Ministério da Administração Pública

A ADSE já não é da tutela do Ministério da Saúde. Segundo o regime da organização e funcionamento do...

por Teresa Mendes | 05.12.2019

 Reduzir o colesterol mais cedo pode diminuir risco cardiovascular mais tar...

Reduzir os níveis de colesterol com medicamentos em pessoas com menos de 45 anos pode reduzir o risc...

por Teresa Mendes | 04.12.2019

Esperança de vida em Portugal é maior do que na média dos países da EU

A esperança de vida em Portugal «aumentou substancialmente na última década», nomeadamente com a red...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.