SPMI alerta para complicações associadas ao tromboembolismo venoso

foto de "DR" | 03.10.2018

Dia Mundial da Trombose assinala-se a 13 de outubro 
Antecipando o Dia Mundial da Trombose, que se assinala a 13 de outubro, os médicos de Medicina Interna falam da necessidade de melhorar o conhecimento sobre a trombose, alertando que uma em cada quatro pessoas morre na sequência de patologias relacionadas com esta doença.

Num comunicado, João Araújo Correia, presidente da Sociedade Portuguesa da Medicina Interna (SPMI), explica que aquela Sociedade pretende consciencializar os profissionais de saúde e a população em geral para a prevenção, tratamento e identificação das complicações associadas ao tromboembolismo venoso, uma das principais causas de morte por doença cardiovascular.

Atualmente, segundo o internista, «uma em cada quatro pessoas em todo o mundo morre de doenças relacionadas com a trombose, das quais se destacam o enfarte agudo do miocárdio, o acidente vascular cerebral e o tromboembolismo venoso».

Atualmente, segundo João Araújo Correia, «uma em cada quatro pessoas em todo o mundo morre de doenças relacionadas com a trombose»

«A identificação dos doentes em risco, mediante a recolha de um conjunto dirigido de informações, permite determinar um risco elevado, moderado ou baixo de desenvolver coágulos nas veias das pernas e/ou no pulmão», sublinha o médico na nota à Imprensa.

Para assinalar o Dia Mundial da Trombose, o Núcleo de Estudos de Doença Vascular Pulmonar (NEDVP) da SPMI vai realizar, a 13 de outubro, no Hotel Olissipo Oriente, em Lisboa, a sua 4.ª Reunião Anual, que terá como tema central as «Convergências na Doença Vascular Pulmonar». 

O programa está disponível aqui  

18tm40L
03 de Outubro de 2018
1840Pub4f18tm40L

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 18.09.2019

 Melhoria do SNS «cabe a todos»

Melhorar a qualidade de acesso, motivar os profissionais e aumentar a sua produtividade e reforçar o...

18.09.2019

Falta de medicamentos: Doentes alertam para «realidade assustadora»

Setenta associações de doentes enviaram uma carta ao Infarmed a alertar para a «realidade assustador...

por Teresa Mendes | 17.09.2019

Afinal, é a lei que limita fármacos inovadores a não ser perante risco imed...

Afinal, é a própria lei que limita as autorizações excepcionais para ter acesso aos fármacos inovado...

por Teresa Mendes | 17.09.2019

 Cancro de cabeça e pescoço mata três portugueses por dia

A Semana Europeia de Luta Contra o Cancro de Cabeça e Pescoço arrancou esta segunda-feira em Lisboa....

por Teresa Mendes | 17.09.2019

 Pelo menos 5 pessoas morrem a cada minuto devido a erros clínicos

No dia em que celebra o primeiro Dia Mundial para a Segurança do Doente (17 de setembro), a Organiza...

por Teresa Mendes | 17.09.2019

Só os neurónios mais viáveis sobrevivem no desenvolvimento do sistema nervo...

Ao contrário do pensado, não é o acaso que determina quais as células que irão formar o sistema nerv...

por Teresa Mendes | 16.09.2019

 Profissionais estão a «deixar de acreditar nesta forma única de organizaçã...

Prestes a iniciar o quarto trimestre de 2019, altura em que deveria estar a ser realizada a transiçã...

16.09.2019

Bastonária da OE chama Miguel Guimarães para ser ouvido no caso da sindicân...

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros (OE), Ana Rita Cavaco, quer incluir, como testemunhas, o ex-mi...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.