Médicos das USF confiam em Marta Temido para relançar a reforma dos CSP

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 18.10.2018

Comunicado da Associação Nacional das Unidades de Saúde Familiar 
A  USF-AN manifestou, num comunicado, a esperança de que com a tomada de posse da nova ministra da Saúde, Marta Temido, haja mais investimento no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e o relançamento da reforma dos cuidados de saúde primários (CSP).

«Acreditamos que seja possível, com esta nova ministra da Saúde e sua equipa, cumprir o Programa do Governo no relançamento do SNS, apostando na qualidade da gestão pública, no redimensionamento dos Agrupamentos dos Centros de Saúde, numa estratégia de gestão previsional rigorosa do recrutamento e valorização dos recursos humanos e na aposta na criação de condições de trabalhos nas diversas Unidades Funcionais dos Centros de Saúde», salienta o comunicado

A nota à Imprensa, assinada pela direção da USF-AN, deposita também esperanças na nova equipa para que «seja possível abandonar a era das múltiplas aplicações informáticas da Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, apostando na modernização qualitativa e amigável do Sistema de Informação e que se melhore qualitativamente a articulação entre os hospitais, os centros de saúde e a comunidade, fomentando um novo modelo colaborativo, desenvolvendo o conceito de parcerias público-público e não público-privadas».

A USF-AN manifestou, num comunicado, a esperança de que com a tomada de posse da nova ministra da Saúde, Marta Temido, haja mais investimento no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e o relançamento da reforma dos cuidados de saúde primários (CSP) 

A USF-AN manifesta ainda «o desejo de que este fim de legislatura demonstre que ainda é possível relançar a reforma dos CSP, criando-se condições para um aumento de USF, nomeadamente de USF de modelo B».

18tm42M
17 de Outubro de 2018
1842Pub4f18tm42M

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 24.05.2019

 Número de pessoas que morre sem cuidados paliativos pode duplicar em 2060

 O número de pessoas que morre sem acesso a cuidados paliativos pode duplicar em 2060.<br /> Segund...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Unidades de saúde mental forense não prisionais vão ter equipa clínica mult...

As unidades de saúde mental forense não prisionais vão passar a ter formalmente uma equipa clínica m...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Ordem cria Gabinete Nacional de Apoio ao Médico

Os médicos em burnout podem recorrer, a partir de hoje, dia 24 de maio, a um gabinete de apoio criad...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Palco será dado a quem vive a realidade da dor crónica de perto

O próximo dia 31 de maio será um dia de reflexão, onde o palco será dado a quem vive a realidade da...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

O  ciclo de vida do medicamento explicado aos jovens

O Infarmed produziu um vídeo dirigido aos jovens, onde explica as etapas do ciclo de vida do medicam...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

 Governo vai impulsionar criação de USF em contextos complexos 

O Governo está determinado a apoiar e impulsionar a criação de Unidades de Saúde Familiar (USF) em c...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.