«Não podemos continuar a fingir que não existem milhares de cuidadores»

06.11.2018

PR renova apelo para criação do estatuto do cuidador informal 
A propósito do Dia do Cuidador, assinalado esta segunda-feira, o Presidente da República renovou o apelo para a criação do estatuto do cuidador informal.
Para Marcelo Rebelo de Sousa, «Portugal não pode continuar à espera, sob pena de estar a perpetuar um erro imperdoável, confundindo prioridades, atropelando a defesa da dignidade humana».

Numa nota publicada no site da Presidência da República, o Presidente da República, apelou para que se vençam «preconceitos e obstáculos institucionais» à criação do estatuto do cuidador informal, uma causa que «merece o esforço de todos».

Em Portugal, assinalou, a grande maioria dos cuidados prestados a pessoas dependentes, sejam idosos, pessoas com deficiência, demências ou doenças crónicas «é prestado por cuidadores informais e não através das redes formais».

«Não podemos continuar a fingir que não existem milhares de compatriotas que são pais, filhos, netos, sobrinhos, primos, vizinhos, amigos, cuidadores de tantos e tantos outros portugueses», lê-se na nota.

Marcelo Rebelo de Sousa observou que há «milhares de cuidadores informais e cada vez haverá mais», defendendo que «não podem continuar invisíveis» ou ignorados, «sem vencimentos, folgas, férias, reformas e direitos sociais»

Marcelo Rebelo de Sousa observou que há «milhares de cuidadores informais e cada vez haverá mais», defendendo que «não podem continuar invisíveis» ou ignorados, «sem vencimentos, folgas, férias, reformas e direitos sociais».

No mesmo dia o Centro de Inovação em Tecnologias e Cuidados de Saúde do Politécnico de Leiria lançou uma plataforma para apoiar no autocuidado da pessoa dependente e dos cuidadores.
Chama-se Help2Care e inclui um site e uma aplicação de telemóvel que liga cuidadores informais a profissionais de saúde   

18tm45F
06 de Novembro de 2018
1845Pub3f18tm45F

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 21.03.2019

Infarmed aprova utilização de canábis para sete indicações terapêuticas

São sete as indicações terapêuticas para a utilização de medicamentos à base de canábis medicinal au...

por Teresa Mendes | 21.03.2019

Contratação simplificada: Técnicos de diagnóstico e terapêutica também fica...

Não são só os médicos que se sentem discriminados por não serem contemplados no processo de contrata...

21.03.2019

 Médicos alertam para rutura na Neonatologia da Maternidade Bissaya Barreto

O Sindicato dos Médicos da Zona Centro (SMZC) alertou esta quarta-feira para a rutura iminente no se...

21.03.2019

 Tutela estuda alargamento do cheque dentista a crianças menores de seis an...

O Ministério da Saúde está a estudar o alargamento dos cheques dentista a crianças menores de seis a...

20.03.2019

 APMGF teme que consultas por telemóvel aumentem as desigualdades

O presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) critica a nova ferramenta...

20.03.2019

OM quer reunião urgente com ministra após «nível de desprezo» inédito

A Ordem dos Médicos (OM) pediu esta terça-feira uma reunião com caráter de urgência à ministra da Sa...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.