1.ª edição do Fórum Diplomacia da Saúde debate a Saúde Pública e Global

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 20.11.2018

Evento decorre a 26 de novembro, na Reitoria da Universidade do Porto
No próximo dia 26 de novembro, Portugal recebe, pela primeira vez, o Fórum Diplomacia da Saúde, uma iniciativa que procura integrar e aprofundar os conceitos de Saúde Global e Diplomacia da Saúde, com a valorização de competências e capacitação de profissionais do setor em relações internacionais, economia e de políticas públicas.

Num comunicado, a organização - composta por uma equipa multidisciplinar e que integra, entre outros, a diretora do Centro de Educação Médica da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), Maria Amélia Ferreira, ou o médico especialista em Saúde Pública, Francisco Pavão - explica que serão abordadas questões como «as negociações que moldam as políticas de saúde a nível global, como a gestão e controlo de epidemias ou o impacto das alterações clínicas na saúde».

O evento, que terá lugar na Reitoria da Universidade do Porto, e que conta com o apoio da MSD, vai reunir uma lista privilegiada de oradores com experiência na área da Saúde e da Diplomacia. Entre os convidados de honra, estão confirmados: José Martins Nunes, alto-comissário para a Saúde Global, Eurico Castro Alves, presidente da Comissão Organizadora da Convenção Nacional de Saúde e Miguel Guimarães, bastonário da Ordem dos Médicos.

Todos os participantes terão oportunidade de assistir a uma conversa-debate entre três embaixadores: Hélder Vaz (Embaixador da Guiné Bissau), Petr Selepa (Embaixador da República-Checa) e Freitas Ferraz (Embaixador e Diretor do Instituto Diplomático). 

No próximo dia 26 de novembro, Portugal recebe, pela primeira vez, o Fórum Diplomacia da Saúde, uma iniciativa que procura integrar e aprofundar os conceitos de Saúde Global e Diplomacia da Saúde, com a valorização de competências e capacitação de profissionais do setor em relações internacionais, economia e de políticas públicas 

Entre os vários temas, destaque para uma sessão que vai reunir os vários grupos de trabalho envolvidos no desenvolvimento do primeiro Gabinete de Saúde Global em Portugal. Essas mesmas conclusões serão depois apresentadas por Mário Pinto, assessor para a Saúde do Presidente da República, e José Martins Nunes, alto-comissário para a Saúde Global.

Para mais informações, consulte o site www.forumdiplomaciasaude.pt 

18tm47E
20 de Novembro de 2018
1847Pub3f18tm47E

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 21.03.2019

Infarmed aprova utilização de canábis para sete indicações terapêuticas

São sete as indicações terapêuticas para a utilização de medicamentos à base de canábis medicinal au...

por Teresa Mendes | 21.03.2019

Contratação simplificada: Técnicos de diagnóstico e terapêutica também fica...

Não são só os médicos que se sentem discriminados por não serem contemplados no processo de contrata...

21.03.2019

 Médicos alertam para rutura na Neonatologia da Maternidade Bissaya Barreto

O Sindicato dos Médicos da Zona Centro (SMZC) alertou esta quarta-feira para a rutura iminente no se...

21.03.2019

 Tutela estuda alargamento do cheque dentista a crianças menores de seis an...

O Ministério da Saúde está a estudar o alargamento dos cheques dentista a crianças menores de seis a...

20.03.2019

 APMGF teme que consultas por telemóvel aumentem as desigualdades

O presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) critica a nova ferramenta...

20.03.2019

OM quer reunião urgente com ministra após «nível de desprezo» inédito

A Ordem dos Médicos (OM) pediu esta terça-feira uma reunião com caráter de urgência à ministra da Sa...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.