Mais de metade dos casos de VIH são detetados tardiamente

27.11.2018

Infeção já estava em estado avançado em mais de 30% 
Mais de metade dos casos de infeção por VIH (51,5%) em 2017 foram diagnosticados tardiamente, e em mais de 30% destes doentes a infeção já se encontrava numa fase avançada, o que revela uma «apresentação tardia aos cuidados clínicos», conclui o relatório anual do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa).

No documento «Infeção VIH e Sida», a que a Lusa teve acesso, é sublinhado que «a percentagem de diagnósticos tardios mantém-se superior à observada na União Europeia», em especial nos casos entre heterossexuais, sendo essa proporção ainda maior quando são analisados os casos em transmissão heterossexual e há diferenças entre homens e mulheres. 

«A percentagem de diagnósticos tardios mantém-se superior à observada na União Europeia», em especial nos casos entre heterossexuais, sendo essa proporção ainda maior quando são analisados os casos em transmissão heterossexual 

«Para os casos de transmissão heterossexual a proporção de diagnósticos tardios em homens (65,7%) é significativamente superior à observada para as mulheres (48,4%) e, tal como nos anos mais recentes, os casos em homens que têm sexo com homens são os que apresentam menor proporção de diagnósticos tardios, situação idêntica à reportada noutros países europeus», salienta o documento.

Nos casos de transmissão heterossexual em homens a proporção de diagnósticos tardios atingiu 67,8% nos casos com idades a partir dos 50 anos

18tm48E
27 de Novembro de 2018
1848Pub3f18tm48E

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 09.04.2020

 Médicos especialistas em cuidados intensivos podem não ser suficientes

O recém-nomeado presidente da Comissão de Acompanhamento da Resposta Nacional em Medicina Intensiva...

por Teresa Mendes | 09.04.2020

 OM promove inquérito nacional sobre a identificação da exposição ao SARS-C...

A Ordem dos Médicos (OM) está a promover um inquérito nacional sobre a identificação dos clínicos à...

por Teresa Mendes | 09.04.2020

Grupo CUF não cumpre as normas da DGS sobre Covid-19, denuncia a Fnam

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) acusa o Grupo CUF de não cumprir as normas da Direção-Geral...

por Teresa Mendes | 09.04.2020

 Doença celíaca associada ao aumento da mortalidade prematura

Apesar do aumento da consciencialização sobre a doença celíaca e de um maior acesso a alimentos sem...

por Teresa Mendes | 08.04.2020

 «Se a linha da frente cair, cairemos todos»

A Amnistia Internacional (AI) lançou esta terça-feira, no âmbito do Dia Mundial da Saúde, uma petiçã...

por Teresa Mendes | 08.04.2020

 Líderes mundiais do plasma unidos no desenvolvimento de terapêutica contra...

Várias empresas do sector farmacêutico e terapêutico, a nível internacional, juntaram-se para desenv...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.