Faro passa a ter 100% da população com médico de família atribuído

por Teresa Mendes | foto de "TM" Luis Ribeiro | 04.12.2018

Marta Temido inaugura USF Golfinho 
O concelho de Faro vai ter a partir desta semana uma cobertura de 100% da população com médico de família atribuído, anunciou, este sábado, 1 de Dezembro, Paulo Morgado, presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve, na cerimónia de inauguração da nova Unidade de Saúde Familiar (USF) Golfinho, que contou com a presença da ministra da Saúde, Marta Temido.

Na sua intervenção, Paulo Morgado afirmou que a abertura da nova USF representa um momento especial», pois «Faro vai ser o primeiro concelho do Algarve – e, provavelmente, um dos primeiros do país – a ter a cobertura total, ou seja: 100% da população com médico de família atribuído», lê-se no jornal regional Sul Informação

Marta Temido, que enalteceu o empenho e a dedicação de todos os profissionais da equipa da USF Golfinho, sublinhou o papel que estas unidades assumem no reforço da prestação de cuidados de saúde de proximidade e no aumento da confiança dos cidadãos no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

O concelho de Faro vai ter a partir desta semana uma cobertura de 100% da população com médico de família atribuído, anunciou, este sábado, Paulo Morgado, presidente da ARS do Algarve, na cerimónia de inauguração da nova Unidade de Saúde Familiar Golfinho, que contou com a presença da ministra da Saúde, Marta Temido 

«As USF são uma mais-valia para a população, representam mais do que uma transação de um ato médico, são muito mais do que isso.
Nas USF encontramos uma abordagem de saúde que é feita por médicos, por enfermeiros, por secretários clínicos e por uma equipa de cuidados de saúde primários que queremos que, cada vez mais, garanta um conjunto de apoios de vários níveis, desde a saúde oral, a saúde visual, da psicologia, da nutrição», defendeu.

A ministra da Saúde assegurou ainda que os cuidados de saúde primários são uma das prioridades deste Governo, sendo que «o desafio a que nos propomos é de garantir a cobertura de médico de família a todos os portugueses» e «aquilo que estamos a fazer hoje com a abertura da USF Golfinho é aproximarmo-nos da meta que pretendemos alcançar», destaca o jornal regional.

A USF Golfinho vai abranger 15200 utentes do concelho de Faro, permitindo assim alargar a cobertura assistencial à população deste concelho algarvio, com a atribuição de médico de família a mais 5469 utentes.

18tm49E
04 de Dezembro de 2018
1849Pub3f18tm49E

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Fnam pede intervenção do CNS para reformular organização dos hospitais 

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) apela ao presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS) para...

15.02.2019

 Ministério da Saúde vai abrir novas convenções na área da hemodiálise

O Ministério da Saúde vai abrir novas convenções com prestadores para a área da hemodiálise, esperan...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

 Ciência Viva abre candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde»

Estão abertas as candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde», uma iniciativa da Ciência Viva - Agênci...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Publicado o primeiro manual de apoio à pessoa com doença rara

As pessoas com doença rara têm, pela primeira vez, acesso a um manual de apoio, que compila informaç...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

Desde 2013 que o SNS não fazia tão poucas cirurgias

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) registou um aumento da atividade assistencial em 2018, quer no núm...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

O BREXIT explicado às empresas do setor da Saúde

Para esclarecer a questão do BREXIT às empresas portuguesas do setor da Saúde, a AICEP organiza, em...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.