«Estão a ser afetados doentes de extrema gravidade»

por Teresa Mendes | 06.12.2018

Greve dos enfermeiros: Presidente da APAH alerta para adiamento de cirurgias 
O presidente da Associação Portuguesa dos Administradores Hospitalares (APAH) alertou esta quarta-feira que a paralisação dos enfermeiros, que dura há semana e meia e se vai prolongar até ao final do mês, está a deixar os blocos operatórios numa situação «extremamente grave».

Em entrevista à Antena 1, o dirigente avisou que há doentes que não podem esperar muito tempo por uma intervenção. 

«Estão a ser afetados doentes de extrema gravidade que aguardam cirurgia e que se não a tiverem em tempo útil vão ver o seu estado de saúde ou degradar-se ou não ser recuperável.
Nunca vivemos uma situação desta natureza e estamos num estado de elevada preocupação sobre a saúde individual dos doentes», reforçou o dirigente.

O presidente da associação dos administradores hospitalares defendeu ainda que que o Ministério da Saúde deve tomar uma posição e, se não conseguir impedir a greve, que revele quais os casos graves, em nome do interesse público.

«A população tem direitos, muita dela está a aguardar cirurgia em casa, vê as cirurgias canceladas, não agendadas e é importante que todos tenhamos consciência da consequência desta greve que já perdura há praticamente duas semanas», justificou o responsável.

No mesmo dia, a bastonária da Ordem dos Enfermeiros (OE), Ana Rita Cavaco, na abertura do Congresso da Secção Regional Sul da OE, em resposta a Alexandre Lourenço, afirmou que a greve «é um caminho necessário, que visa valorizar todas as pessoas incluindo o país, é um país que está doente, um país que não cuida do seu SNS».

«Estão a ser afetados doentes de extrema gravidade que aguardam cirurgia e que se não a tiverem em tempo útil vão ver o seu estado de saúde ou degradar-se ou não ser recuperável. Nunca vivemos uma situação desta natureza e estamos num estado de elevada preocupação sobre a saúde individual dos doentes», reforçou Alexandre Lourenço 

«Se chegarmos àquilo que poderá ser uma requisição civil, o que vos posso dizer é: resistam, porque estaremos cá para resistir por vocês», sublinhou ainda a bastonária.

Ana Rita Cavaco garante que entende o problema em relação ao adiamento de «quatro mil cirurgias», mas não percebe que «não se consiga chegar a acordo com uma classe a quem o país deve milhares de horas».

A entrevista do presidente da APAH pode ser ouvida aqui  

18tm49N
06 de Dezembro de 2018
1849Pub5f18tm49N

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 24.06.2019

ANEM acusa Marta Temido de «enorme distanciamento da realidade»

A Associação Nacional dos Estudantes de Medicina (ANEM) «condena veementemente», numa carta aberta,...

por Teresa Mendes | 24.06.2019

Apifarma contra novas orientações para estudos de avaliação económica

A Apifarma está «veementemente» contra a proposta do Infarmed para alteração das Orientações Metodol...

por Teresa Mendes | 24.06.2019

 Taxas moderadoras nos centros de saúde vão acabar, mas de forma faseada

O fim das taxas moderadoras nos centros de saúde vai ser realizado de uma forma faseada, não entrand...

por Teresa Mendes | 24.06.2019

 «OSTEOGLUTIS» vence 3.ª Edição da Bolsa de Investigação em Mieloma Múltipl...

  «Tackling multiple myeloma by osteoblast cross regulation – OSTEOGLUTIS» é o nome do projeto vence...

por Teresa Mendes | 21.06.2019

14 recomendações dos doentes para o SNS

A Convenção Nacional da Saúde (CNS), que juntou mais de 160 instituições do setor, nesta terça-feira...

por Teresa Mendes | 21.06.2019

Campanha da DGS e IPDJ quer inspirar portugueses a praticar exercício físic...

 A Direção-Geral da Saúde (DGS) e o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), com o apoio...

por Teresa Mendes | 21.06.2019

USF modelo B passam a ter de fundamentar a aprovação da carga horária

O Ministério da Saúde quer combater as diferentes práticas e interpretações, em termos de horários d...

19.06.2019

Texto da nova Lei de Bases da Saúde fica sem referências às PPP

O grupo de trabalho que discute a nova Lei de Bases da Saúde no Parlamento chumbou esta terça-feira...

por Teresa Mendes | 19.06.2019

 7.ª Edição do Prémio Maria José Nogueira Pinto conta com mais de 100 candi...

São mais de 100 as candidaturas recebidas pelo comité da 7.ª Edição do Prémio Maria José Nogueira Pi...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.