Serviços de Urgência já estão a recusar doentes

por Teresa Mendes | 22.01.2019

SMZS apela aos médicos que apresentem minuta de declínio de responsabilidade
Nas últimas semanas, alguns Serviços de Urgência (SU) tiveram que recusar doentes devido à sobrelotação de admissões, de exames auxiliares de diagnóstico e internamentos, denuncia o Sindicato dos Médicos da Zona Sul (SMZS), que apela a todos os médicos que declinem qualquer responsabilidade se a legis artis estiver comprometida.

«De acordo com o nosso conhecimento, alguns SU “encerraram” durante horas e em vários dias, recusando doentes e levando, por sua vez, à lotação excessiva nos hospitais contíguos. Cenário agravado pela falta de elementos para constituição de equipas e material obsoleto», alerta esta segunda-feira aquela organização sindical num comunicado.

Nas últimas semanas, alguns Serviços de Urgência tiveram que recusar doentes devido à sobrelotação de admissões, de exames auxiliares de diagnóstico e internamentos, denuncia o Sindicato dos Médicos da Zona Sul, que apela a todos os médicos que declinem qualquer responsabilidade se a legis artis estiver comprometida

O SMZS apela ainda a todos os colegas que «exerçam o seu trabalho de acordo com a legis artis e quando esta esteja comprometida declinem qualquer responsabilidade derivada da ineficiência do sistema, ao entregarem a minuta de declínio de responsabilidade civil».

O sindicato relembra que apesar de esta minuta não isentar toda e completa responsabilidade civil «protege o médico».
«Ao dar conhecimento das condições em que exerce, o médico responsabiliza as suas chefias – as verdadeiramente imputáveis por toda e qualquer situação decorrente nas atuais condições de trabalho num SU», conclui o comunicado.

A minuta é disponibilizada aqui ou aqui

19tm04f
22 de Janeiro de 2019
1904Pub3f19tm04f

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 24.05.2019

 Número de pessoas que morre sem cuidados paliativos pode duplicar em 2060

 O número de pessoas que morre sem acesso a cuidados paliativos pode duplicar em 2060.<br /> Segund...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Unidades de saúde mental forense não prisionais vão ter equipa clínica mult...

As unidades de saúde mental forense não prisionais vão passar a ter formalmente uma equipa clínica m...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Ordem cria Gabinete Nacional de Apoio ao Médico

Os médicos em burnout podem recorrer, a partir de hoje, dia 24 de maio, a um gabinete de apoio criad...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

Palco será dado a quem vive a realidade da dor crónica de perto

O próximo dia 31 de maio será um dia de reflexão, onde o palco será dado a quem vive a realidade da...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

O  ciclo de vida do medicamento explicado aos jovens

O Infarmed produziu um vídeo dirigido aos jovens, onde explica as etapas do ciclo de vida do medicam...

por Teresa Mendes | 24.05.2019

 Governo vai impulsionar criação de USF em contextos complexos 

O Governo está determinado a apoiar e impulsionar a criação de Unidades de Saúde Familiar (USF) em c...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.