Um cientista, um médico e um doente juntos em torno de uma pergunta

por Teresa Mendes | 08.02.2019

Ciclo de conversas «Horizontes iMM: Uma pergunta a três» 
Um cientista, um médico e um doente juntos em torno de uma pergunta. Este é o mote para o novo ciclo de conversas «Horizontes iMM: Uma pergunta a três», uma iniciativa do Instituto de Medicina Molecular (iMM) em parceria com a Fundação Belmiro de Azevedo, que será apresentada no dia 20 de Fevereiro, pelas 18h00, no Grande Auditório João Lobo Antunes (Edifício Egas Moniz, Lisboa).

«Este ciclo de conversas terá para já quatro sessões que terão por base quatro descobertas ocorridas no iMM e com grande impacto no futuro da saúde humana e que queremos que a sociedade conheça, debata e acrescente valor», explica Maria Mota, Diretora Executiva do iMM, numa nota publicada no site do iMM.

«Porque é que o cancro nos escapa?» é a primeira conversa que contará com a participação de Fernando Rosas (ex-deputado do Bloco de Esquerda), Luís Costa (diretor do Serviço de Oncologia do Hospital de Santa Maria) e Bruno Silva-Santos (Cientista do iMM), que terá moderação de Graça Franco e António Barreto. 

«Porque é que o cancro nos escapa?» é a primeira conversa que contará com a participação de Fernando Rosas (ex-deputado do Bloco de Esquerda), Luís Costa (diretor do Serviço de Oncologia do Hospital de Santa Maria) e Bruno Silva-Santos (cientista do iMM) 

Entre Fevereiro e Outubro serão debatidos mais três assuntos: doenças neuromusculares, doença de Parkinson e doenças vertebro-medulares.
«Interessa-nos contribuir ativamente para o debate público sobre o rumo e o propósito da investigação biomédica em Portugal e para uma disseminação científica de qualidade.

O painel de convidados destas sessões traz ao iMM médicos, cientistas, políticos, jornalistas, personalidades importantes da sociedade civil e cidadãos anónimos promovendo assim uma aproximação da Ciência à Sociedade que é fundamental», diz Bruno Silva-Santos, vice-diretor do iMM.

Fique a saber mais sobre todas as sessões aqui.  

19tm06t
08 de Fevereiro de 2019
1906Pub6f19tm06t

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Fnam pede intervenção do CNS para reformular organização dos hospitais 

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) apela ao presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS) para...

15.02.2019

 Ministério da Saúde vai abrir novas convenções na área da hemodiálise

O Ministério da Saúde vai abrir novas convenções com prestadores para a área da hemodiálise, esperan...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

 Ciência Viva abre candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde»

Estão abertas as candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde», uma iniciativa da Ciência Viva - Agênci...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Publicado o primeiro manual de apoio à pessoa com doença rara

As pessoas com doença rara têm, pela primeira vez, acesso a um manual de apoio, que compila informaç...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

Desde 2013 que o SNS não fazia tão poucas cirurgias

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) registou um aumento da atividade assistencial em 2018, quer no núm...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

O BREXIT explicado às empresas do setor da Saúde

Para esclarecer a questão do BREXIT às empresas portuguesas do setor da Saúde, a AICEP organiza, em...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.