Ordem denuncia «cenário caótico» no SU do Hospital de Leiria

por Teresa Mendes | 08.02.2019

Serviço «está abaixo dos mínimos», diz Carlos Cortes 
«A carência de recursos humanos no Serviço de Urgência (SU) do Centro Hospital de Leiria, não constituindo assunto novo, tem, infelizmente, evoluído para uma situação gravíssima que impede uma prestação de cuidados adequados e situações de alto risco para os doentes», salienta o presidente do CRCOM, Carlos Cortes, num ofício enviado à ministra da Saúde.

Na missiva enviada no início de fevereiro, o responsável revela que o serviço está «abaixo dos mínimos e ninguém pode garantir atualmente um ambiente de segurança para todos os doentes».

Segundo Carlos Cortes, os profissionais de saúde daquela unidade hospitalar «descrevem um cenário caótico, com uma degradação inexorável que se traduz na insuficiente qualidade das condições do SU, ainda funcionais porquanto assentes no esforço hercúleo de quem diariamente os assegura, pese embora a falta de apoio a diversos níveis».

«O espaço físico e o número de profissionais são absolutamente insuficientes para assegurar o correto tratamento dos doentes e a saúde física e mental dos profissionais», lê-se no ofício enviado a Marta Temido

«O espaço físico e o número de profissionais são absolutamente insuficientes para assegurar o correto tratamento dos doentes e a saúde física e mental dos profissionais», lê-se no ofício enviado a Marta Temido.

O dirigente considera que «é desumano e irresponsável manter este nível de pressão sobre os profissionais de saúde», pelo que alerta a ministra da Saúde para a «insustentabilidade da situação e para a necessidade de dar uma resposta urgente, eficaz e definitiva».

19tm06s
08 de Fevereiro de 2019
1906Pub6f19tm06s

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Fnam pede intervenção do CNS para reformular organização dos hospitais 

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) apela ao presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS) para...

15.02.2019

 Ministério da Saúde vai abrir novas convenções na área da hemodiálise

O Ministério da Saúde vai abrir novas convenções com prestadores para a área da hemodiálise, esperan...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

 Ciência Viva abre candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde»

Estão abertas as candidaturas ao concurso «Comunicar Saúde», uma iniciativa da Ciência Viva - Agênci...

por Teresa Mendes | 15.02.2019

Publicado o primeiro manual de apoio à pessoa com doença rara

As pessoas com doença rara têm, pela primeira vez, acesso a um manual de apoio, que compila informaç...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

Desde 2013 que o SNS não fazia tão poucas cirurgias

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) registou um aumento da atividade assistencial em 2018, quer no núm...

por Teresa Mendes | 14.02.2019

O BREXIT explicado às empresas do setor da Saúde

Para esclarecer a questão do BREXIT às empresas portuguesas do setor da Saúde, a AICEP organiza, em...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.