Fnam apoia projeto de regulamento do Acto médico da OM

por Teresa Mendes | 16.04.2019

«A carreira médica é a garantia da qualidade do exercício da Medicina»
A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) manifestou publicamente esta segunda-feira o seu «apoio» à iniciativa da Ordem dos Médicos (OM) que define o ato médico. Para o sindicato, a carreira médica, a par do Serviço Nacional de Saúde (SNS), «é a garantia da qualidade do exercício da Medicina».

«Só a carreira médica permite a necessária diferenciação técnico-científica, garantindo ao médico uma estrutura de trabalho organizada e a sua autonomia técnico-científica», defende a Fnam num comunicado publicado no seu site, acrescentando que «é também a sucessiva especialização que mantém a qualidade da formação dos médicos mais novos».
 
Na opinião do sindicato, a carreira médica é «uma forma de trabalho assente na complementaridade, que permite uma troca técnico-científica bilateral, sem intersubstituição das diferentes capacidades».

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) manifestou publicamente esta segunda-feira o seu «apoio» à iniciativa da Ordem dos Médicos (OM) que define o ato médico. Para o sindicato, a carreira médica, a par do Serviço Nacional de Saúde (SNS), «é a garantia da qualidade do exercício da Medicina»

Na nota à Imprensa, a Fnam recorda que, em 2009, assinou os Decretos-Lei n.º 176 e 177, onde foi definido pela primeira vez o «Perfil profissional» do médico como «o profissional legalmente habilitado ao exercício da medicina, capacitado para o diagnóstico, tratamento, prevenção ou recuperação de doenças ou outros problemas de saúde, e apto a prestar cuidados e a intervir sobre indivíduos, conjuntos de indivíduos ou grupos populacionais, doentes ou saudáveis, tendo em vista a proteção, melhoria ou manutenção do seu estado e nível de saúde».

Desta forma, aquela estrutura sindical defende «a criação da carreira médica nos diferentes locais de trabalho dos médicos, como espelhado nas negociações com entidades do sector público, social ou privado, uma vez que esta é a principal contribuidora da qualidade do ato médico, da diferenciação e da autonomia técnico-científica».

O comunicado pode ser lido na íntegra aqui.
 
19tm16f
16 de Abril de 2019
1916Pub3f19tm16f

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 16.09.2019

 Profissionais estão a «deixar de acreditar nesta forma única de organizaçã...

Prestes a iniciar o quarto trimestre de 2019, altura em que deveria estar a ser realizada a transiçã...

16.09.2019

 «Queremos que o hospital saia de portas»

O Governo quer alargar a hospitalização domiciliária a todos os hospitais do Serviço Nacional de Saú...

16.09.2019

Bastonária da OE chama Miguel Guimarães para ser ouvido no caso da sindicân...

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros (OE), Ana Rita Cavaco, quer incluir, como testemunhas, o ex-mi...

por Teresa Mendes | 16.09.2019

 1.ª Edição Hot Topics em Hepatologia

Vai decorrer, no dia 11 de outubro, na Ordem dos Médicos, em Vila Real, a 1.ª edição dos Hot Topics...

por Teresa Mendes | 13.09.2019

Pela primeira vez em seis meses, a dívida à Indústria Farmacêutica diminuiu

Pela primeira vez em seis meses, o valor da dívida dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS)...

por Teresa Mendes | 13.09.2019

Ordem celebra 80 anos com coleção de fac-similadas de autores médicos

 A Ordem dos Médicos (OM) convida todos os profissionais a vir conhecer, na próxima segunda-feira, d...

por Teresa Mendes | 13.09.2019

 Literacia em Saúde: DGS lança Manual para capacitação dos profissionais

No âmbito do Plano de Ação para a Literacia em Saúde 2019/2012, a Direção-Geral da Saúde (DGS) lanço...

por Teresa Mendes | 13.09.2019

 Demitem-se dez chefes de equipa de urgência do Hospital Garcia de Orta

Demitiram-se dez chefes de equipa de urgência do Hospital Garcia de Orta, em Almada, segundo a Socie...

por Teresa Mendes | 12.09.2019

 SPP recomenda aos médicos que reportem os casos suspeitos em Portugal

A Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) recomenda aos médicos que passem a comunicar os casos de...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.