Instituto de Medicina Legal passa a realizar autópsias aos fins-de-semana e feriados

por Teresa Mendes | 22.04.2019

Alterações «visam melhorar a capacidade e eficiência da resposta pericial»
O Conselho de Ministros (CM) aprovou nesta quinta-feira a proposta de lei que permite ao Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) a realização de autópsias aos fins-de-semana e feriados. 

No comunicado, o Governo esclarece que as alterações «visam melhorar a capacidade e eficiência da resposta pericial por parte do instituto, retirando a penosidade acrescida da espera pelo início da semana».

Na mesma proposta prevê-se também a possibilidade de acesso eletrónico por parte dos peritos do INMLCF, «evitando-se delongas e custos com o serviço postal» e reforça-se a necessidade de realização de autópsias «em situações de morte sob custódia ou quando houver uma intervenção policial ou militar ou em casos em que haja suspeita de tortura, tratamentos cruéis, desumanos ou degradantes».

O Conselho de Ministros (CM) aprovou nesta quinta-feira a proposta de lei que permite ao Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) a realização de autópsias aos fins-de-semana e feriados

Em situação de catástrofe é ainda atribuída ao INMLCF a «competência para identificação dos corpos ou de fragmentos dos corpos e a realização das autópsias médico-legais num curto espaço de tempo, com a criação de uma equipa médico-legal de intervenção em catástrofes», lê-se no comunicado do CM

19tm17d
22 de Abril de 2019
1917Pub2f19tm17d

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 29.05.2020

BE quer garantir subsídio de risco aos profissionais de saúde 

 O Bloco de Esquerda (BE) entregou esta quarta-feira um projeto de lei na Assembleia da República ap...

por Teresa Mendes | 29.05.2020

«Uma notícia que nos alimenta a esperança» 

Dos 3398 profissionais de saúde infetados com a doença Covid-19, já recuperaram 2161, revelou esta q...

por Teresa Mendes | 29.05.2020

«Este é o momento de contratar mais médicos e de recuperar as carreiras» 

«O nosso trabalho é salvar vidas, ajudar os portugueses e ajudar o país.»<br /> <br /> Foi desta f...

por Teresa Mendes | 29.05.2020

Sem confinamento SNS teria de atender três vezes mais doentes graves com Co...

Se o estado de emergência não tivesse vigorado em Portugal nos primeiros 15 dias de abril, as unidad...

por Teresa Mendes | 28.05.2020

Saldo do SNS em abril agravou-se 11,3 milhões de euros 

Em abril, o saldo do Serviço Nacional de Saúde (SNS) situou-se nos 149,2 milhões de euros negativos,...

por Teresa Mendes | 28.05.2020

Infarmed aprova financiamento de Keytruda® em combinação com pemetrexedo e...

O Infarmed aprovou, esta terça-feira, o financiamento de Keytruda® (pembrolizumab) em combinação com...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.