José Dinis é o novo diretor do programa para a área das Doenças Oncológicas

por Teresa Mendes | 08.05.2019

Despacho de nomeação publicado hoje no Diário da República 
O coordenador da Unidade de Investigação Clínica do Instituto Português de Oncologia do Porto, José Dinis, é o novo diretor do programa para a área das Doenças Oncológicas, substituindo Nuno Miranda no cargo.

Um despacho publicado hoje no Diário da República, dá conta da mudança da liderança deste programa prioritário da Direção-Geral da Saúde, numa altura em que passaram os três anos de mandato de Nuno Miranda.

O coordenador da Unidade de Investigação Clínica do Instituto Português de Oncologia do Porto, José Dinis, é o novo diretor do programa para a área das Doenças Oncológicas, substituindo Nuno Miranda no cargo 

Tal como no caso do seu antecessor, o mandato de José Dinis terá a duração de três anos, cabendo ao novo responsável «promover e dinamizar a monitorização dos programas de rastreio, no que se refere à eficácia e equidade dos mesmos e aos ganhos em saúde proporcionais», «caraterizar as unidades oncológicas existentes e promover a articulação da rede oncológica nacional», «promover a equidade no acesso a cuidados de saúde de qualidade, no tratamento das doenças oncológicas» e ainda «dinamizar a participação dos cidadãos, com particular destaque para a defesa de estilos de vida saudáveis».

O despacho da nomeação produziu efeitos a partir de 10 de abril.

19tm19L
08 de Maio de 2019
1919Pub4f19tm19L

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 EPE estavam em falência técnica no ano passado

Em 2018, metade dos hospitais EPE do país encontrava-se em falência técnica, segundo uma análise do...

06.12.2019

Chefes de cirurgia de Faro recusam fazer urgências a partir de 1 de janeiro

A partir de 1 de janeiro de 2020, os chefes de equipa de Cirurgia do Hospital de Faro vão deixar de...

por Teresa Mendes | 06.12.2019

 Sarampo matou mais de 140 mil pessoas no mundo em 2018

Em 2018, o sarampo foi responsável pela morte de mais de 140.000 pessoas, segundo novas estimativas...

por Teresa Mendes | 06.12.2019

«Não existem cigarros eletrónicos nem produtos de tabaco seguros»

«Não existem cigarros eletrónicos nem produtos de tabaco seguros, nomeadamente tabaco aquecido. Apre...

por Teresa Mendes | 05.12.2019

 Reduzir o colesterol mais cedo pode diminuir risco cardiovascular mais tar...

Reduzir os níveis de colesterol com medicamentos em pessoas com menos de 45 anos pode reduzir o risc...

por Teresa Mendes | 04.12.2019

Esperança de vida em Portugal é maior do que na média dos países da EU

A esperança de vida em Portugal «aumentou substancialmente na última década», nomeadamente com a red...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.