World Doctors Orchestra pela primeira vez em Portugal

por Teresa Mendes | foto de "DR" | 29.07.2019

Evento junta no palco médicos de todo o mundo 
A World Doctors Orchestra (WDO) vai atuar pela primeira vez em Portugal, com dois concertos marcados para o próximo dia 20 de setembro, pelas 21h00, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e dia 21 de setembro, na Casa da Música, no Porto.
As receitas revertem para a reconstrução de um hospital pediátrico em Moçambique, pelas mãos da organização não governamental Health4Moz.

A Ordem dos Médicos (OM) patrocina esta iniciativa, «tal como apoiou desde a primeira hora o povo de Moçambique e, em especial, da Beira, através de equipas médicas que têm estado no terreno e na angariação de fundos e equipamentos necessários para a reconstrução de serviços e estruturas hospitalares», salienta o organismo num comunicado.

A World Doctors Orchestra (WDO) vai atuar pela primeira vez em Portugal, com dois concertos marcados para o próximo dia 20 de setembro, pelas 21h00, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e dia 21 de setembro, na Casa da Música, no Porto. As receitas revertem para a reconstrução de um hospital pediátrico em Moçambique

Desde a sua fundação, em 2008, a WDO já angariou mais de um milhão de euros a favor de instituições de beneficência.

«Por momentos, trocamos a bata por um fato de gala e o bisturi dá lugar à batuta, em dois eventos que juntam no palco médicos de todo o mundo. Junte-se a nós e dê esperança em crescendo às populações desfavorecidas de Moçambique», apela a OM na nota informativa.

Wolfgang Amadeus Mozart, Eurico Carrapatoso e Anton Bruckner são os artistas a celebrar, num concerto conduzido pelo maestro Stefan Willich e pelo clarinete Bruno Graça.

19tm31d
29 de Julho de 2019
1931Pub2f19tm31d

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 27.03.2020

 Ordens da saúde pedem ao primeiro-ministro reforço da proteção dos profiss...

As ordens dos Médicos, dos Farmacêuticos e dos Enfermeiros enviaram esta quarta-feira uma carta aber...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

Conselho de Escolas Médicas Portuguesas defende realização maciça de testes

O Conselho de Escolas Médicas Portuguesas (CEMP) defende o uso generalizado de máscaras pela comunid...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

ARSLVT abre 35 áreas dedicadas à Covid-19 nos cuidados saúde primários

Atendendo ao alargamento progressivo da expressão geográfica da pandemia Covid-19 em Portugal, e ten...

por Teresa Mendes | 27.03.2020

Apifarma cria linha de apoio financeiro para profissionais de saúde

A Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (Apifarma), em articulação com a Ordem dos Médicos...

por Teresa Mendes | 26.03.2020

 Internos de MGF pedem «suspensão de todos os estágios e formações hospital...

Os internos de Medicina Geral e Familiar (MGF) pedem, em comunicado conjunto das associações e comis...

por Teresa Mendes | 26.03.2020

 «Há outras vidas a salvar», alerta Carlos Cortes

Devido ao foco na pandemia por Covid-19, os doentes oncológicos «estão a ficar para trás» e a ativid...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.