Crianças diabéticas ou com alergias vão receber mais apoio nas escolas

por Teresa Mendes | 19.09.2019

Refeições e horários adaptados são algumas das medidas aprovadas
 As crianças diabéticas ou com alergias alimentares vão passar a estar mais protegidas nas escolas.
Os ministérios da Saúde e Educação aprovaram esta quarta-feira um regulamento para o apoio dos casos com diabetes tipo 1 na escola e estão também a estudar soluções para os casos de alergias alimentares, tendo criado um grupo de trabalho para o efeito.

Este Grupo de Trabalho das Alergias Alimentares na Escola, nomeado num despacho publicado esta quarta-feira no Diário da República, tem como missão propor um regulamento que crie os mecanismos que garantam a inclusão das crianças e jovens com alergias alimentares, e será coordenado por Gonçalo Cordeiro Ferreira, presidente da Comissão Nacional da Saúde Materna, da Criança e do Adolescente (CNSMCA), que coordena.

O prazo para apresentação da proposta de regulamento é até ao dia 31 de dezembro de 2019.

Entre as medidas a aplicar estão novas ementas e ações de formação sobre alergias e contaminação cruzada de alimentos.

Os ministérios da Saúde e Educação aprovaram esta quarta-feira um regulamento para o apoio dos casos com diabetes tipo 1 na escola e estão também a estudar soluções para os casos de alergias alimentares, tendo criado um grupo de trabalho para o efeito 

Relativamente à diabetes, o processo está mais adiantado, tendo o Governo publicado no mesmo dia o regulamento de enquadramento do apoio às crianças e jovens com Diabetes Mellitus tipo 1 na Escola. 

Segundo o regulamento, a escolar passa a ter de garantir a saúde e bem-estar da criança ou jovem com diabetes, apoiá-la «durante todo o período de permanência na escola e nas respetivas atividades extracurriculares», «garantir um horário de refeições compatível com a sua necessidade» e mesmo «facultar condições adequadas para a realização dos exames nacionais e/ou provas de aferição».

19tm38m
19 de Setembro de 2019
1938Pub5f19tm38m

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 14.02.2020

Trabalho nas juntas médicas pode comprometer resposta ao coronavírus

Ordem dos Médicos, sindicatos e Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública estão preocupados c...

14.02.2020

Exportações em Saúde atingem um máximo histórico de 1,5 mil milhões de euro...

As exportações portuguesas em Saúde atingiram um novo recorde de cerca de 1,5 mil milhões de euros,...

por Teresa Mendes | 14.02.2020

 Governo aprova nova PPP no Hospital de Cascais

O Bloco de Esquerda (BE) considera que a decisão do Governo de avançar para uma nova parceria públic...

por Teresa Mendes | 14.02.2020

 Gabinete de segurança para profissionais de saúde coordenado por oficial d...

Foi publicado esta quinta-feira o despacho que cria o Gabinete de Segurança para a Prevenção e o Com...

por Teresa Mendes | 13.02.2020

 VIII Congresso Científico ANL debate preocupações da Medicina Laboratorial

Vai decorrer, nos dias 29 e 30 de maio, no Centro de Congresso de S. Rafael, no Algarve, o VIII Cong...

por Teresa Mendes | 13.02.2020

 Enfarte do miocárdio atinge 15 mil portugueses todos os anos

Nas vésperas do Dia Nacional do Doente Coronário, que se assinala a 14 de fevereiro, a Sociedade Por...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.