Pela primeira vez, as vacinas funcionam para quatro tipos de vírus da gripe

por Teresa Mendes | 03.10.2019

SNS disponibiliza 1,4 milhões de vacinas a partir de 14 de outubro
A vacinação contra a gripe vai iniciar-se a partir de 14 de outubro e, pela primeira vez, as vacinas que estarão disponíveis em Portugal são tetravalentes, funcionando para quatro tipos de vírus da gripe (dois do tipo A e dois do tipo B).

A Direção-Geral da Saúde (DGS) espera que estas «tenham maior abrangência em relação às vacinas trivalentes anteriormente utilizadas».

Num comunicado, divulgado esta quarta-feira, a DGS informa igualmente que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) terá este ano 1,4 milhões de doses de vacinas contra a gripe para dar gratuitamente a idosos, pessoas em lares ou instituições e para alguns doentes crónicos.

A nota à Imprensa esclarece que a vacinação contra a gripe vai decorrer a partir de 14 de outubro, e que, no SNS, a vacina é gratuita para os cidadãos com idade igual ou superior a 65 anos, para pessoas residentes ou internadas em instituições, para pessoas com algumas doenças definidas, para profissionais de saúde do SNS e para os bombeiros.

A vacinação contra a gripe vai iniciar-se a partir de 14 de outubro e, pela primeira vez, as vacinas que estarão disponíveis em Portugal são tetravalentes, funcionando para quatro tipos de vírus da gripe (dois do tipo A e dois do tipo B) 

O comunicado alerta ainda para a importância da vacinação dos profissionais de saúde e outros prestadores de cuidados, incluindo os bombeiros, devido a uma maior probabilidade de exposição e de transmissão da gripe a pessoas com maior risco de complicações.

As vacinas estarão também disponíveis nas farmácias comunitárias, mediante receita médica, que terá uma validade até 31 de dezembro.

Para saber mais, consulte o comunicado aqui

19tm40m
03 de Outubro de 2019
1940Pub5f19tm40m

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 26.05.2020

Covid-19: Hospitais de campanha ficam isentos do pagamento da taxa à ERS

O Governo já decidiu: Os hospitais de campanha, criados no âmbito da resposta à epidemia por SARS-Co...

por Teresa Mendes | 26.05.2020

SPEDM defende inclusão da análise à função tiroideia no rastreio da mulher...

O Grupo de Estudos da Tiroide (GET) da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolism...

por Teresa Mendes | 26.05.2020

Fundação Portuguesa de Cardiologia apela à demonstração de afetos virtuais 

 Campanha inserida no mês dedicado à sensibilização para as doenças do coração<br /> Fundação Portu...

25.05.2020

Governo avalia incentivos financeiros para recuperar atos médicos cancelado...

A ministra da Saúde adiantou este sábado que o Governo está a estudar incentivos financeiros que per...

por Teresa Mendes | 25.05.2020

Insa promove estudo sobre saúde mental e bem-estar em tempos de pandemia 

 O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa) está a promover um estudo para avaliar o...

por Teresa Mendes | 25.05.2020

Quase 20% dos doentes com Covid-19 recuperados permanecem internados 

 Quase 20% dos doentes com Covid-19 recuperados permanecem internados por falta de resposta social....

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.