Insa promove Seminário sobre doenças cérebro-cardiovasculares a 4 de fevereiro

por Teresa Mendes | 10.01.2020

Na reunião serão divulgados os resultados do estudo «e_COR» 
O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (Insa) promove, no dia 4 de fevereiro (14h30), no seu auditório, em Lisboa, um seminário sobre doenças cérebro-cardiovasculares (DCV).
Na ocasião serão divulgados os resultados do estudo «e_COR», que teve como objetivo estabelecer a prevalência dos principais fatores de risco de DCV na população portuguesa.

Intitulado «Estudo e_COR – Prevalência de Fatores de Risco Cardiovasculares na População Portuguesa», o Seminário contará com a apresentação de Ana Catarina Alves, investigadora do Departamento de Promoção da Saúde e Prevenção de Doenças Não Transmissíveis, e comentários de Diogo Cruz, subdiretor-geral da Saúde. 

A sessão, que será transmitida por videoconferência para o Centro de Saúde Pública Doutor Gonçalves Ferreira, no Porto, contará ainda com a moderação de Mafalda Bourbon, investigadora e coordenadora da Unidade de Investigação e Desenvolvimento do DPS.

O evento tem participação gratuita, mas carece de inscrição prévia aqui.

O Insa recorda que as DCV são um importante problema de saúde pública a nível mundial sendo responsáveis por uma elevada taxa de morbilidade e mortalidade. «Em Portugal, não obstante o decréscimo verificado nos últimos anos, as DCV continuam a ser a principal causa de morte e a esperança de vida saudável aos 65 anos de idade é inferior à média europeia.

O Insa promove, no dia 4 de fevereiro (14h30), no seu auditório, em Lisboa, um seminário sobre doenças cérebro-cardiovasculares. Na ocasião serão divulgados os resultados do estudo «e_COR», que teve como objetivo estabelecer a prevalência dos principais fatores de risco de DCV na população portuguesa 

Estas doenças atingem homens e mulheres, de todas as nacionalidades e estratos económicos, principalmente em idades produtivas, contribuindo para um aumento drástico dos custos nos cuidados de saúde e, consequentemente, da economia em geral», lê-se numa nota à Imprensa.

20tm02q
10 de Janeiro de 2020
2002Pub6f20tm02q

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 24.01.2020

Falta qualidade nos dados nos registos de saúde em Portugal

Documentação incompleta, indisponibilidade de materiais e recursos para auxiliar o processo de codif...

por Teresa Mendes | 24.01.2020

 USF Cortes de Almeirim dá médico de família a 2000 utentes

Foi inaugurada esta sexta-feira, a Unidade de Saúde Familiar (USF) Cortes de Almeirim. A cerimónia c...

por Teresa Mendes | 23.01.2020

Nomeados os membros da Direção da Competência em Ecografia Obstétrica Difer...

 Já estão nomeados todos os membros da Direção do Colégio da Competência em Ecografia Obstétrica Dif...

por Teresa Mendes | 23.01.2020

 Deixar de fumar um mês antes de uma cirurgia permite melhor recuperação

Os fumadores que deixem de fumar pelo menos um mês antes de uma cirurgia têm menores probabilidades...

23.01.2020

Coronavírus: Portugal activa os dispositivos de saúde pública de prevenção

Portugal já ativou os dispositivos de saúde pública de prevenção ao coronavírus proveniente da China...

por Teresa Mendes | 22.01.2020

 Sindicato denuncia falta de recursos humanos nas maternidades de Coimbra

 O Sindicato dos Médicos da Zona Centro (SMZC) considerou esta terça-feira, após uma visita às mater...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.