OMS reconhece novo vírus como doença profissional

por Teresa Mendes | 26.02.2020

Curso online sobre COVID-19 disponível para profissionais de saúde
 A Organização Mundial de Saúde (OMS) emitiu uma diretiva onde sublinha que os profissionais de saúde que tenham doença provocada pelo COVID-19 após terem tido contacto com o mesmo no local de trabalho devem vê-la reconhecida como doença profissional e, consequentemente, ter direito à devida compensação e recuperação, informa a Ordem dos Médicos (OM) num comunicado.

De acordo com a OM, «as entidades empregadoras devem assumir a responsabilidade de assegurar que são tomadas todas as medidas preventivas tendo em vista minimizar a exposição e o risco de contágio».

As medidas incluem a implementação de planos de gestão de segurança para identificar riscos e aprimorar procedimentos, a prevenção e controle de infeção e políticas de tolerância zero à violência no local de trabalho.

A OMS emitiu uma diretiva onde sublinha que os profissionais de saúde que tenham doença provocada pelo COVID-19 após terem tido contacto com o mesmo no local de trabalho devem vê-la reconhecida como doença profissional e, consequentemente, ter direito à devida compensação e recuperação

É também dever das entidades empregadoras «fornecer instrução e formação em saúde e segurança ocupacional, incluindo atualização em prevenção e controlo de infeções e uso, colocação, remoção e eliminação de equipamentos de proteção individual», bem como «ser assegurados equipamentos de proteção individual, incluindo máscaras, luvas, óculos de proteção, batas e antisséptico para as mãos», lê-se na nota à Imprensa.

Clique aqui para aceder ao documento da OMS.

OMS disponibiliza curso online para profissionais se prepararem para novo coronavírus

Entretanto, a OMS disponibiliza, de forma gratuita, no seu site, a todos os interessados, um curso online que contém informações sobre o que as unidades de saúde devem e podem fazer para se prepararem da melhor forma para casos de COVID-19.

Todas as informações sobre o curso e inscrições disponíveis nesta ligação.  

20tm09i
26 de Fevereiro de 2020
2009Pub4f20tm09i
    
Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

por Teresa Mendes | 31.03.2020

Financiamento do SNS «continua a ser insuficiente», diz TC

 O financiamento do Serviço Nacional de Saúde (SNS) «continua a ser insuficiente, suscitando um esfo...

por Teresa Mendes | 31.03.2020

 «Não há só Covid no Serviço Nacional de Saúde»

 A ministra da Saúde disse esta segunda-feira que, desde início e até meados de março, a procura nas...

por Teresa Mendes | 31.03.2020

Já são mais de 200 os médicos infetados com Covid-19 em Portugal

O secretário de Estado da Saúde adiantou esta segunda-feira que há 853 profissionais de saúde, em Po...

por Teresa Mendes | 30.03.2020

 «Existe um pedido excessivo de análises de “rotina”» em Portugal

Um estudo liderado por seis investigadoras, publicado na mais recente edição da Acta Médica Portugue...

por Teresa Mendes | 30.03.2020

Pedido o reforço dos meios de proteção individual, dos testes e das condiçõ...

Oitenta profissionais de saúde, entre médicos, enfermeiros e administradores hospitalares, pediram e...

por Teresa Mendes | 30.03.2020

Covid-19: Investigadores continuam sem acesso aos dados anonimizados em Por...

O Conselho de Escolas Médicas Portuguesas (CEMP) alerta que, apesar de o primeiro-ministro ter anunc...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.