Procedimentos administrativos lideram reclamações

por Teresa Mendes | 08.05.2020

ERS publica relatório referente a 2019 
Em 2019, a Entidade Reguladora da Saúde (ERS) recebeu 93.563 processos reclamações, elogios e sugestões, o que representa um decréscimo de 3,9% em relação ao ano anterior. O tema mais mencionado nas reclamações foi o dos «procedimentos administrativos», sendo particularmente reclamada a qualidade da informação institucional disponibilizada.

Segundo o relatório divulgado esta quinta-feira, este decréscimo «foi principalmente motivado pelo aumento no volume de reclamações submetidas à ERS durante os primeiros meses de 2018, na sequência do esforço suplementar de atualização de processos pendentes nos prestadores, desenvolvido no fim de 2017 e início de 2018». 

No que diz respeito à tipologia dos processos REC — reclamações, elogios e sugestões — submetidos à ERS no ano passado, 80.150 eram reclamações, 11.946 elogios, 1125 sugestões e 342 tinham uma classificação mista. Ou seja, juntavam mais de uma tipologia.

O tema mais mencionado nas reclamações foi o dos «procedimentos administrativos», sendo particularmente reclamada a qualidade da informação institucional disponibilizada 

Mantendo a tendência de anos anteriores, os estabelecimentos públicos de saúde foram os que receberam mais reclamações, elogios e sugestões (72%). Já o sector privado foi alvo de 26,6% dos processos REC e o sector social 1,2%. «Em todos os sectores, foram mais reclamados os prestadores com internamento», refere o regulador.

O tema mais mencionado nas reclamações submetidas à ERS no ano de 2019 foi o dos «procedimentos administrativos» (21,7% das menções nas reclamações decididas), sendo particularmente reclamada a qualidade da informação institucional disponibilizada.

Seguiu-se a «focalização no utente» (19%), salientando-se as questões relacionadas com o direito a tratamento pelos meios adequados, humanamente, com prontidão, correção técnica, privacidade e respeito e, em terceiro lugar, os «tempos de espera» (18,5%), em especial o tempo de espera para atendimento clínico não programado superior a uma hora.

20tm19r
2019Pub6f20tm19r
08 de Maio de 2020

Publicada originalmente em www.univadis.pt

E AINDA

29.07.2020

Quer o Senhor Ministro formar mais médicos sem as condições adequadas que g...

A plataforma para a formação médica em Portugal  manifesta o seu desagrado e discordância com as dec...

por Zózimo Zorrinho | 16.07.2020

COVID-19: Testes revelam presença de anticorpos em apenas 1,5% dos membros...

«A testagem de 2571 membros da comunidade académica da Universidade de Lisboa (ULisboa), mostrou a p...

14.07.2020

«Cardiologia»,  uma colecção para profissionais de saúde

«Cardiologia»,  é o título genérico de uma colecção para profissionais de saúde, lançada na próxima...

por Zózimo Zorrinho | 13.07.2020

Recomendação da vacinação antipneumocócica pela SPEDM

«Foi com enorme satisfação que o Movimento Doentes Pela Vacinação (MOVA) recebeu a notícia da recome...

por Zózimo Zorrinho | 13.07.2020

SPMI cria «Prémio Pedro Marques da Silva» 

20zz29a – TM – 2603 c.<br /> <br /> SPMI cria «Prémio Pedro Marques da Silva em Risco Cardiovascul...

por Zózimo Zorrinho | 02.07.2020

Filme «Saúde Digestiva by SPG»

A Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia (SPG) está a divulgar o filme «Saúde Digestiva by SPG».<b...

por Teresa Mendes | 30.06.2020

Miguel Pavão é o novo bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas 

 Miguel Pavão é novo bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), sucedendo a Orlando Monteiro d...

por Teresa Mendes | 29.06.2020

Fnam teme colapso dos serviços de saúde durante previsível nova vaga de SAR...

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) está preocupada com a ausência de medidas concretas e urgent...

por Teresa Mendes | 26.06.2020

Portugal adquire dois milhões de vacinas contra a gripe

Portugal já garantiu a aquisição de dois milhões de vacinas contra a gripe, revelou esta quarta-feir...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.