Bastonário defende mesmo valor atribuído à TAP para recuperar atividade do SNS

12.06.2020

OM considera «insuficiente» o reforço para a Saúde no Orçamento suplementar
O bastonário da Ordem dos Médicos (OM) considerou esta quinta-feira «insuficiente» o reforço de 504,4 milhões de euros para a Saúde no Orçamento suplementar, defendendo que a recuperação da atividade devido à Covid-19 exige pelo menos 1250 milhões de euros, a mesma verba que o Governo atribuiu para a recuperação da TAP.

«Esperava mais de um orçamento suplementar para a saúde», disse Miguel Guimarães à agência Lusa, recordando que as fragilidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) foram atenuadas nos últimos meses, porque toda a atividade foi concentrada no combate à Covid-19.

Nas contas do bastonário, mais de 50% da atividade — consultas, cirurgias, exames — foi adiada e terá de ser recuperada, assim como realizadas as marcações já efetuadas. «Em termos de orçamento, estamos a falar de três meses — 25% de um ano.

Se eu aplicar este quarto de ano ao orçamento, significa que, para recuperar metade do que era a atividade desses três meses, são necessários 1250 milhões de euros», explicou.

Para o bastonário da Ordem dos Médicos, o reforço de 504,4 milhões de euros para a saúde é «insuficiente». Miguel Guimarães defende pelo menos 1250 milhões para recuperação da atividade 

Esta recuperação, salientou, «terá de ser feita de forma suplementar, o que significa milhares de pessoas a trabalhar e a receber de forma suplementar. O SNS precisa seguramente de mais dinheiro».

Por outro lado, o dirigente lamentou que nada seja dito em relação aos cuidados de saúde primários. «Quando a ministra da Saúde anuncia que os lares de idosos vão ter um médico, é porque será um médico de família.

Mas os médicos de família já estão assoberbados. Como é que esta assistência será feita?», questionou.

Em relação à saúde pública, o bastonário considera que o reforço é «claramente insuficiente para as necessidades, sobretudo se vier uma segunda vaga» da pandemia.

Outra área que merece críticas por parte de Miguel Guimarães é a Medicina do Trabalho: «Nem uma palavra para uma área tão critica nesta questão da pandemia, que há anos é insuficiente. Nem um reforço, é uma área completamente esquecida.»

Recorde-se que o Governo anunciou esta terça-feira um reforço adicional do orçamento do SNS de 500 milhões de euros, no âmbito do Orçamento Suplementar de 2020.

No seu conjunto, estes reforços garantem um aumento do orçamento do SNS de cerca de 13% face ao orçamento de 2019, adiantou na conferência de Imprensa o futuro ministro de Estado e das Finanças, João Leão, que tomará posse no dia 15 de junho.

20tm24i
12 de Junho de 2020
2024Pub6f20tm24i

Publicado previamente em  www.univadis.pt

E AINDA

29.07.2020

Quer o Senhor Ministro formar mais médicos sem as condições adequadas que g...

A plataforma para a formação médica em Portugal  manifesta o seu desagrado e discordância com as dec...

por Zózimo Zorrinho | 16.07.2020

COVID-19: Testes revelam presença de anticorpos em apenas 1,5% dos membros...

«A testagem de 2571 membros da comunidade académica da Universidade de Lisboa (ULisboa), mostrou a p...

14.07.2020

«Cardiologia»,  uma colecção para profissionais de saúde

«Cardiologia»,  é o título genérico de uma colecção para profissionais de saúde, lançada na próxima...

por Zózimo Zorrinho | 13.07.2020

Recomendação da vacinação antipneumocócica pela SPEDM

«Foi com enorme satisfação que o Movimento Doentes Pela Vacinação (MOVA) recebeu a notícia da recome...

por Zózimo Zorrinho | 13.07.2020

SPMI cria «Prémio Pedro Marques da Silva» 

20zz29a – TM – 2603 c.<br /> <br /> SPMI cria «Prémio Pedro Marques da Silva em Risco Cardiovascul...

por Zózimo Zorrinho | 02.07.2020

Filme «Saúde Digestiva by SPG»

A Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia (SPG) está a divulgar o filme «Saúde Digestiva by SPG».<b...

por Teresa Mendes | 30.06.2020

Miguel Pavão é o novo bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas 

 Miguel Pavão é novo bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), sucedendo a Orlando Monteiro d...

por Teresa Mendes | 29.06.2020

Fnam teme colapso dos serviços de saúde durante previsível nova vaga de SAR...

A Federação Nacional dos Médicos (Fnam) está preocupada com a ausência de medidas concretas e urgent...

por Teresa Mendes | 26.06.2020

Portugal adquire dois milhões de vacinas contra a gripe

Portugal já garantiu a aquisição de dois milhões de vacinas contra a gripe, revelou esta quarta-feir...

A reprodução total ou parcial deste site é proibida,
excepto se autorizada expressa e previamente pela Impremédica, Imprensa Médica, Lda.,
nos termos da legislação em vigor.